Acompanhe:

Utilizado para os mais diversos fins, o CPF é um dos principais documentos usados no Brasil hoje. Criado pela Receita Federal para identificação dos cidadãos, faz parte de um grande banco de dados e possui várias funções. 

Muito mais do que um número, o CPF tem  uma inteligência verificadora por trás dos 11 dígitos. Veja como esse documento é importante e quantas coisas é possível fazer com ele. 

O que é CPF?

O CPF é uma forma de registro feita por uma numeração. O numeral permite com que o cidadão possa se identificar em diferentes órgãos, serviços, tanto governamentais como privados. 

Hoje em dia, o documento é um dos principais mecanismos de identificação no Brasil. 

O que significa CPF? 

A sigla CPF significa Cadastro de Pessoas Físicas

Para que serve o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF)? 

O cadastro de pessoa física tem muitas utilidades, para que você compreenda a utilidade do documento na sua vida enquanto cidadão, listamos algumas da muitas funções do CPF, confira: 

Identificação 

Pode ser utilizado como forma de identificação para abertura de conta bancária, ingresso em instituições de ensino e compra de produtos que requerem o documento. 

Serviços públicos

O CPF é necessário para o acesso em programas públicos de assistência social, inscrição em vestibulares, certidões, cursos e passaportes. 

Operações financeiras

O CPF é necessário para abrir contas em bancos e seus serviços, além de qualquer operação envolvendo transferência de dinheiro. 

Impostos

Essencial para identificar o cidadão na declaração de imposto de renda e é necessário quando se realizam atividades remuneradas diretamente à pessoa física, com emissão de nota fiscal avulsa. 

Trabalho

É utilizado nos contratos de trabalho como forma de comprovar a identidade do funcionário. 

Como emitir CPF? 

O CPF sempre foi um documento físico, mas aderindo a digitalização, desde 2010 a Receita Federal não emite mais aquele clássico cartão azul, visto que o CPF já vem informação em outros documentos, como a Carteira de Identidade (RG) e também na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). 

Para realizar a inscrição do CPF, todo trâmite é feito no próprio site da Receita Federal. Neste link, você tem acesso ao formulário de solicitação do CPF. As informações solicitadas são referentes a identificação do cidadão e de endereço. 

Como consultar o CPF na Receita Federal? 

Já para realizar a consulta do seu CPF no site da Receita Federal, o passo a passo é bem simples. Basta acessar ao site da Receita, na página de “Comprovante da Situação Cadastral no CPF”. 

É necessário fornecer o número do seu CPF e data de nascimento. Ao clicar em “consultar”, você tem acesso a informações como: situação cadastral, Data de inscrição e outros. Também fica disponível um QR code, que você pode levar consigo, caso precise. 

Lembrando que, essa consulta não substitui o Comprovante de Inscrição de CPF. 

Quais as regras para o cálculo dos dígitos verificadores do CPF

O CPF de todo cidadão é composto por 11 dígitos, dividido em blocos, como no exemplo: 

  • 123.456.789-00. 

E essa configuração possui uma lógica por trás. Os oito primeiros dígitos do CPF são a inscrição oficial de cada cidadão, sendo uma sequência única para cada um. O antepenúltimo número diz respeito à região fiscal que foi responsável pela criação deste CPF. 

O penúltimo número verifica a veracidade dos nove primeiros dígitos e o último número é o verificador dos 9 números anteriores a ele. 

Pelo nono dígito do CPF, é possível saber em que estado aquele documento foi emitido. Veja na lista os estados correspondentes por cada número: 

  • 1: DF, GO, MS, MT e TO;
  • 2: AC, AM, AP, PA, RO e RR;
  • 3: CE, MA e PI;
  • 4: AL, PB, PE, RN;
  • 5: BA e SE;
  • 6: MG;
  • 7: ES e RJ;
  • 8: SP;
  • 9: PR e SC;
  • 0: RS.

Toda essa complexidade por trás da criação da sequência de números do CPF tem um propósito: detectar possíveis erros de digitação. Isso é importante desde a validação de uma transferência bancária, até a criação de uma conta em um site online. 

É uma forma que a Receita Federal encontrou para ter controle de que aquele CPF está ativo e autenticado, e evitar fraudes e erros nas mais diversas transações.

Leia também:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Como registrar uma marca no INPI? Passo a passo para produto ou serviço
Guia do Cidadão

Como registrar uma marca no INPI? Passo a passo para produto ou serviço

Há 4 dias

Como dar baixa no MEI: passo a passo para encerrar CNPJ
Guia do Cidadão

Como dar baixa no MEI: passo a passo para encerrar CNPJ

Há 5 dias

Como funciona o Prouni? Confira o calendário 2024 do programa
Guia do Cidadão

Como funciona o Prouni? Confira o calendário 2024 do programa

Há 6 dias

Como assinar documentos digitalmente usando o portal Gov.br
Guia do Cidadão

Como assinar documentos digitalmente usando o portal Gov.br

Há 6 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais