Vendas da Xiaomi sobem e empresa encosta em Apple e Samsung

Faturamento cresceu 25% no último trimestre, aproximando a chinesa das concorrentes, que são líderes de mercado

A fabricante chinesa de smartphones Xiaomi divulgou alta de 37% no lucro trimestral no último período de 2020, segundo balanço apresentado nesta quarta-feira, 24.

O lucro líquido ajustado da empresa foi de 491 milhões de dólares, acima do que era esperado por analistas e o faturamento subiu 25%, e o negócio de smartphones, o principal da companhia, cresceu 38,4% no período.

Com o resultado, a Xiaomi se consolida na terceira posição do mercado global de smartphones, atrás apenas de Samsung e Apple, depois que a Huawei sofreu perdas por ter sido banida de ter relações comerciais com empresas americanas.

O mercado da Xiaomi na China quase dobrou de tamanho em um ano. A empresa tinha 9,2% do mercado local no final de 2019 e passou a 14,6% no ano passado. De acordo com a empresa, manteve a liderança na Índia e assumiu o primeiro lugar na Europa, citando dados da empresa de análise Canalys.

O presidente da Xiaomi, Wang Xiang, afirmou que há preocupação na empresa com a escassez de chips e processadores e que a empresa está trabalhando com parceiros para ter uma cadeia de suprimentos sólida. Apesar disso, Xiang afirmou estar otimista com o crescimento da empresa este ano.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.