Bússola
Acompanhe:
Um conteúdo Bússola

Cresce 70% o número de contratações no varejo em 2022

Levantamento foi realizado pela Taqe, plataforma de recrutamento e seleção digital para vagas de emprego e cursos

Setor comercial teve queda de 83% (Minerva Studio/Thinkstock)

Setor comercial teve queda de 83% (Minerva Studio/Thinkstock)

B
Bússola

26 de agosto de 2022, 16h05

De acordo com dados da Taqe, plataforma de recrutamento e seleção digital, o setor varejista foi o que mais contratou durante os quatro primeiros meses deste ano. Segundo a HRTech, houve um aumento de 70% no número de admissões se comparado aos últimos quatro meses de 2021.

Outro segmento que apresentou um aumento significativo dentro da plataforma no início deste ano foi a área da saúde, mais especificamente hospitais e laboratórios, com um aumento de 41% nas contratações. Esse crescimento pode ser relacionado com a chegada da terceira onda da covid-19 no país. O boletim da Confederação Nacional de Saúde (CNSaúde) indica que apenas em janeiro deste ano foram criados 17.158 postos de trabalho no setor. Hoje a Taqe atende grandes empresas do segmento, como Grupo NotreDame Intermédica, Grupo Fleury, entre outras.

Para Renato Dias, CEO da Taqe, esses dados também mostram que as organizações estão cada vez mais atentas ao recrutamento digital. “Com essa digitalização elas conseguem agilizar todo o processo, além de garantir benefícios vindos da inclusão de testes personalizados por vaga, trilhas de treinamento, entre outros.” afirma Dias.

Em contrapartida, o mesmo levantamento apontou que o setor comercial/vendas e logística tiveram uma queda de 83%, realizando menos admissões esse ano. “Entendemos que essa queda pode estar relacionada com o período do ano. Os últimos meses costumam exigir mais destes setores, enquanto o início do ano tende a ser menos movimentado. Isso acaba influenciando na demanda de contratações”.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Bússola & Cia: Auxílio Brasil e Pronampe terão impacto positivo no PIB

FSB se une à JotaCom e prevê faturar R$ 400 milhões

Viveo encerra 2T22 com Ebitda Ajustado recorde de R$ 176,1 milhões