Lula, condenado pelo TRF-4, segue candidato

ÀS SETE - A tendência, de acordo com juristas, é que o presidente tenha sua candidatura impugnada assim que ela seja analisada pelo TSE

Depois da condenação em segunda instância do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o PT deve seguir a estratégia de politizar a decisão judicial. Hoje, dirigentes do partido devem se reunir em São Paulo para tratar da candidatura do presidente, confirmada ontem na nota divulgada pelo partido. “Vamos confirmar a candidatura de Lula na convenção partidária e registrá-la em 15 de agosto, seguindo rigorosamente o que assegura a Legislação eleitoral”, dizia.

A tendência, de acordo com juristas, é que “seguindo rigorosamente o que assegura a Legislação eleitoral”, o presidente tenha sua candidatura impugnada assim que ela seja analisada pelo Tribunal Superior Eleitoral. A dúvida que fica é se o Lula candidato poderá continuar a campanha, já que uma decisão não implica automaticamente na outra.

Às Sete – um guia rápido para começar seu dia

Leia também estas outras notícias da seção Às Sete e comece o dia bem informado:

 

O que segue será mais um longo processo judicial – e aí ninguém arrisca dizer onde ele irá parar e qual será a decisão final. Em rigor, pode ser que o ex-presidente siga fazendo campanha até próximo das eleições.

Antes de tudo isso, existe a possibilidade que Lula seja preso. Assim que os recursos que a defesa do ex-presidente apresentará ao próprio Tribunal Regional Federal da 4ª Região forem apreciados, e provavelmente negados, sua condenação em segunda instância passa a valer e ele pode ser preso, de acordo com o entendimento atual do Supremo Tribunal Federal (STF). A defesa poderá ainda tentar recursos no Superior Tribunal de Justiça e no próprio Supremo, mas os relatores – Felix Fischer e Edson Fachin, respectivamente – estão se mostrando duros na relação com réus da Lava-Jato.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.