Próximo iPhone pode ter recurso que já é usado há anos no Android

Companhia pode trazer novidades para os celulares que devem ser lançados no fim deste ano

O próximo iPhone pode finalmente contar com um leitor de impressão digital inserido na tela do aparelho. De acordo com o site Let’s Go Digital, o recurso, que já está presente em diferentes smartphones de marcas como Samsung e Huawei, deve estrear nos telefones que serão lançados pela Apple neste ano e vão suceder o iPhone 12.

O rumor surgiu após Jermaine Smit, um designer famoso por antecipar o visual de smartphones que serão lançados, divulgar um conceito de como ele acredita que o próximo smartphone da maçã deverá ser. Além da ferramenta de impressão digital inserida na tela,  não há muitas mudanças em relação aos celulares lançados em 2020.

O conceito de Smit, exibido neste vídeo, mostra um aparelho com tela de 6,1 polegadas e feita com material LTPO, uma nova geração de displays OLED e que, pela primeira vez, deve permitir aos celulares suportar a frequência de 120 Hz ao mesmo tempo que permite uma maior economia de bateria aos telefones.

Fora isso, ainda não se sabe muita coisa sobre os próximos iPhones. O que é compreensível já que a Apple só lança novos aparelhos na parte final do segundo semestre de cada ano. Podemos esperar, porém, que os novos iPhones devem ganhar um sufixo “s”. Ou seja, estamos mais próximos de vermos um iPhone 12s do que um iPhone 13.

Certo mesmo é que a Apple vive um momento positivo no mercado de celulares. A companhia ultrapassou a Samsung nas vendas de celulares no último trimestre do ano passado e conseguiu terminar o ano na vice-liderança do mercado, deixando chinesas como Xiaomi e Huawei para trás.

Mesmo que a Apple tenha focado nos últimos anos em aumentar sua receita com outras divisões – seja com o lançamento de novos MacBooks ou com sua divisão de serviços –, ainda é o iPhone o responsável pela maior fatia do faturamento da gigante de Cupertino. Da receita total de 111 bilhões de dólares no 4º trimestre, 65,6 bilhões de dólares vieram dos iPhones.

 

De 0 a 10 quanto você recomendaria Exame para um amigo ou parente?

 

Clicando em um dos números acima e finalizando sua avaliação você nos ajudará a melhorar ainda mais.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.