Spotify: usuários terão de pagar para tocar músicas aleatórias; entenda

Aplicativos como Amazon Music e Apple Music já possuem essa função
Spotify: o objetivo da plataforma é suprir reclamações dos usuários sobre as listas de reprodução (Christian Hartmann/Reuters)
Spotify: o objetivo da plataforma é suprir reclamações dos usuários sobre as listas de reprodução (Christian Hartmann/Reuters)
A
Antonio Souza

Publicado em 03/08/2022 às 12:46.

Última atualização em 04/08/2022 às 11:37.

O Spotify anunciou na última segunda-feira, 2, que irá colocar os botões “Play” e "Shuffle” (modo aleatório) separados no aplicativo. Atualmente eles aparecem juntos nas listas de reprodução dos usuários.

O objetivo da plataforma é suprir reclamações dos usuários sobre as listas de reprodução. Após uma revisão nos fóruns comunitários do Spotify, os usuários perceberam que os botões eram diferentes no aplicativo.

Nas listas de reprodução, o Play e Shuffle ficavam juntos, porém, na área de trabalho, o botão ficava como reprodução normal. Os usuários então sugeriram que a plataforma separasse os botões.

A nova função será apenas para assinantes Spotify Premium, mas a plataforma teme que os usuários fiquem decepcionados ao descobrir que a nova atualização estará sendo vendida como justificativa para aumentar o preço do serviço.

Aplicativos como Amazon Music e Apple Music já possuem esses botões separados. Segundo a empresa, por mais que a mudança do app seja apenas sobre botões, trata-se na verdade de uma mudança no jeito do usuário, e não incentivá-lo a migrar para o Spotify Premium.

Conteúdo Gratuito: veja 30 formas de ganhar renda extra mensal

Veja também:

Pesquisa revela os comportamentos dos ouvintes no Spotify

O TikTok quer aposentar o Spotify; app de vídeo curtos pode ganhar função de streaming de música