Boticário cria tecnologia para vender batom pelo Youtube

Quase não dá para acreditar que, há um ano, consumidores experimentavam batons nas lojas para decidir qual cor levar. Ainda que o comércio eletrônico no segmento de beleza tenha crescido, assim como outras modalidades de venda, ainda não é possível saber exatamente como uma cor irá interagir com a pele de uma consumidora. Até agora. O Boticário se uniu ao Youtube para criar uma campanha de realidade aumentada para vender sua linha de batons Make B.

Ao assistir à propaganda no celular, as consumidoras podiam experimentar as novas cores em si mesmas. A tecnologia identifica o rosto da consumidora e apresenta as diferentes opções de cores como se fosse um filtro de rede social.

Essa tecnologia é relativamente simples de ser implementada. O desafio era garantir que a cor do batom ficasse fidedigna, já que a tonalidade final depende da cor de pele e da boca da consumidora. "É fácil errar o tom, e a pessoa recebe o batom em casa e se decepciona", diz Célio Helio Somma Guida, diretor de mídia, inteligência e performance no Grupo Boticário.

A campanha ficou no ar por dois meses, impactou 7 milhões de pessoas e levou quase 94 mil pessoas a interagir com a propaganda. Mais do que interagir, os consumidores foram atrás dos batons que mais gostaram. Se a taxa média de cliques em propagandas no Brasil é de 1,04%, com essa campanha a taxa foi superior a 2%. Além disso, a taxa de conversão, os cliques que realmente levaram a uma compra, foi oito vezes maior que a média e levou a 14 mil vendas.

Com a pandemia, o fechamento das lojas e as restrições de segurança, o Boticário se viu desafiado a criar novas maneiras de divulgar os lançamentos de novas coleções. A empresa buscou o Youtube, já que o assunto de beleza é o quarto mais buscado na plataforma de vídeos. São mais de 300 milhões de buscas mensais. 

 

 

 

"Usar dados dos consumidores para o marketing não é mais o diferencial e somos desafiados a usar informações para uma atuação mais relevante", diz Guida. Cada vez mais, a empresa de beleza aposta no marketing digital, já que é possível entender melhor o consumidor. A ideia, agora, é usar a realidade aumentada em outras campanhas, como cuidados com o cabelo, por exemplo.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.