Inteligência Artificial

Musk retira processo contra OpenAI um dia após criticar acordo com Apple

Especialistas disseram à CNBC que o caso foi construído sobre uma base jurídica questionável

No ano passado, Musk criou sua própria startup de IA e concorrente da OpenAI, a xAI (Jordan Vonderhaar/Bloomberg/Getty Images)

No ano passado, Musk criou sua própria startup de IA e concorrente da OpenAI, a xAI (Jordan Vonderhaar/Bloomberg/Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 12 de junho de 2024 às 08h52.

Última atualização em 20 de junho de 2024 às 13h52.

Elon Musk retirou na terça-feira seu processo contra a OpenAI e dois dos cofundadores da empresa, Sam Altman e Greg Brockman, no tribunal estadual da Califórnia. A decisão de arquivar o processo ocorreu apenas um dia depois do bilionário sul-africano criticar publicamente a OpenAI e sua nova parceria com a Apple.

O caso foi arquivado sem prejuízo, de acordo com documento judicial obtido pela CNBC.

Em fevereiro, Musk entrou com uma ação contra a OpenAI, Altman e Brockman – o atual CEO e presidente da OpenAI, respectivamente – por quebra de contrato e dever fiduciário. Uma audiência foi marcada para quarta-feira em São Francisco, na qual o juiz iria considerar se o caso deveria ser arquivado conforme solicitado pelos réus.

Especialistas disseram à CNBC que o caso foi construído sobre uma base jurídica questionável, já que contrato citado no processo não era um acordo formal por escrito assinado por todas as partes envolvidas.

Musk alegou que a equipe fundadora da OpenAI se propôs a desenvolver inteligência artificial geral, ou AGI, “para o benefício da humanidade”, mas que o projeto foi transformado em uma entidade com fins lucrativos que é amplamente controlada pelo principal acionista, a Microsoft. 

No ano passado, Musk criou sua própria startup de IA e concorrente da OpenAI, xAI, que no mês passado anunciou uma rodada de financiamento de US$ 6 bilhões. Entre os investidores estão Andreessen Horowitz, Sequoia Capital e Fidelity Management & Research Company.

No ano passado, a xAI lançou um chatbot chamado Grok, que a empresa diz ter como modelo o “Guia do Mochileiro das Galáxias”. O chatbot estreou com dois meses de treinamento e tem conhecimento da internet em tempo real, afirma a empresa.

Acompanhe tudo sobre:elon-muskSam AltmanOpenAI

Mais de Inteligência Artificial

OpenAI lança GPT-4o Mini, um modelo mais leve e acessível para desenvolvedores

O Brasil entre a inovação e a colonização digital

Nova IA na China deverá conter 'valores socialistas', diz Financial Times; entenda

Peppa Pig na vida real? IA mostra como personagem seria

Mais na Exame