Programa da TIM quer transformar TCCs em startups; saiba como se inscrever

Projeto do Instituto TIM ajudou a criar mais de 60 startups no Brasil nos últimos seis anos a partir de TCCs de faculdade; inscrições vão até o dia 30 de maio
 (Alessia Pierdomenico/Bloomberg)
(Alessia Pierdomenico/Bloomberg)
Por Allan GavioliPublicado em 24/05/2022 10:00 | Última atualização em 24/05/2022 10:33Tempo de Leitura: 3 min de leitura

O Instituto TIM, fundado em 2013 pela TIM para fomentar o cenário científico e tecnológico no Brasil, está em busca de projetos inovadores dos estudantes brasileiros para criar as startups do futuro no país.

Veja também:

Fundação Estudar oferece intercâmbio com bolsa de até US$ 100 mil

5 programas de aceleração de startups com inscrições abertas; veja lista

A perda de US$ 9 tri na Nasdaq e a bomba-relógio nas startups

Por meio do programa Academic Working Capital (AWC), o Instituto TIM quer transformar as ideias inovadoras dos universitários brasileiros, expostas através de seus Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC), em projetos concretos de negócio.

O projeto é uma boa oportunidade para que universitários que possuam uma veia empreendedora possam apostar suas fichas no concorrido e disruptivo mercado das startups. E esses alunos irão contar com uma ajuda fundamental.

As melhores ideias terão apoio financeiro e técnico do Instituto para que as ideias saiam do papel e possam se tornar verdadeiros negócios competitivos. Os grupos possuem até o dia 30 de maio para inscreverem suas ideias.

Além desse apoio financeiro e operacional, o Instituto ainda oferece uma mentoria especializada com grandes nomes do mercado corporativo para que os estudantes moldem uma visão de negócios do seu projeto.

“O AWC estimula os universitários brasileiros a pensarem na tecnologia como habilitadora de mudanças importantes no mundo e os auxilia a vislumbrar novas oportunidades de carreira nesse percurso”, comenta Mario Girasole, Presidente do Instituto TIM.

Ainda segundo o executivo, a edição desse ano prioriza também a diversidade: a ideia é selecionar grupos que tenham representatividade de gênero e raça.

“Esse critério está em linha com o compromisso da TIM com uma sociedade mais justa e com oportunidades para todas as pessoas. Mulheres e pessoas negras ainda são minoria em carreiras tecnológicas e startups e queremos colaborar para mudar essa realidade”, destaca o presidente.

Da universidade ao mercado

O AWC, que chega em 2022 na sua sétima edição, já apoiou o desenvolvimento de mais de 160 projetos inovadores, com a participação de cerca de 400 estudantes de 47 universidades de todo o Brasil. Ao longo das seis últimas edições, cerca de 60 projetos saíram das faculdades e foram direto para universo das startups.

Participante da primeira edição, a Mvisia, startup especialista em visão computacional e inteligência artificial, fundada a partir de um projeto realizado por alunos da Universidade de São Paulo (USP), foi comprada em 2020 pela multinacional WEG.

Outro destaque é a SDW – Safe Drinking Water For All, startup socialtech formada por estudantes da Bahia e Ceará que criaram uma solução para tornar potável a água de poços ou cisternas por meio da radiação solar. Sua idealizadora, Anna Luísa Beserra, foi uma das vencedoras do Jovens Campeões da Terra, premiação da ONU voltada empreendedores de até 30 anos com ideias inovadoras para o futuro do planeta.

Na última edição, surgiu a Organa Kypseli, startup de biotecnologia com foco em engenharia de tecidos, cuja principal solução é uma pele artificial para substituir o uso de animais em testes dermatológicos.

Como se inscrever no projeto

Podem participar da iniciativa estudantes de qualquer área da graduação e de qualquer universidade do Brasil, com iniciativas voltadas para soluções tecnológicas ou de inovação nas mais diversas áreas, como saúde, educação, geração de renda, tecnologia, comunicação, mobilidade, entre outras.

Os grupos devem ter até quatro integrantes, todos da graduação e com pelo menos um dos membros na fase final da faculdade, realizando o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

As inscrições dos projetos devem ser realizadas no site oficial da iniciativa do Instituto TIM até o dia 30 de maio.