A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Dia do Cliente: Veja 7 ferramentas para atrair a atenção dos consumidores

A Bússola listou ferramentas que ajudam a trazer novos consumidores e alavancar as vendas baseadas nas experiências de especialistas da área

O consumidor brasileiro adquiriu novos hábitos desde que a pandemia de covid-19 começou, e, agora, as compras feitas nos e-commerces não são mais apenas por necessidade, mas sim por preferência.

Segundo dados da Neotrust, houve aumento das vendas online no Brasil no primeiro trimestre do ano: foram realizadas 78,5 milhões de compras por meio do comércio eletrônico, um crescimento de 57,4% com relação ao mesmo intervalo em 2020. Esse montante de compras resultou em um rendimento de R$ 35,2 bilhões para o e-commerce entre janeiro e março, 72,2% a mais do que no mesmo período do ano anterior.

Mas, em meio a tantas opções de produtos e lojas disponíveis, como fazer com que o cliente opte por determinada marca? Pensando nisso, a Bússola listou sete ferramentas que ajudam a trazer novos consumidores e alavancar as vendas. Confira:

1) Live Commerce

O Live Commerce une duas das maiores tendências da atualidade: o e-commerce e as transmissões ao vivo. Ele elimina a fricção entre o entretenimento e a compra, tornando o processo mais fluido e ágil, permitindo que o cliente conheça mais sobre o produto, tire dúvidas e o adquira mais rapidamente.

Muitas plataformas virtuais têm apostado nesse conceito para realizar a divulgação de produtos e serviços, e, de acordo com a IResearch, empresa profissional de pesquisa e consultoria de mercado, as vendas por meio dessa estratégia mobilizaram cerca de US $60 bilhões em 2019, enquanto dados da Research and Markets, companhia de consultoria, apontam que a indústria global vai faturar US$ 600 bilhões até 2027 com essa modalidade.

“Cada vez mais as marcas estão procurando formas de gerar maior conexão e engajamento com o público, agregando valor à experiência e diminuindo o atrito na hora da compra. O Live Commerce abraça todas essas características e vem como uma tendência forte para os próximos tempos”, afirma Mateus Magno, Co-CEO da Samba Digital, empresa da Sambatech focada em transformação digital, inovação e com soluções para live commerce.

2) ARCommerce

O mercado de consumo nunca esteve tão digital como nos últimos tempos e as empresas precisam se atentar a essa nova realidade se quiserem obter sucesso durante a Black Friday. Por isso, as marcas que investirem em soluções inovadoras e que proporcionarem uma experiência de compra diferenciada, com certeza terão resultados bem sucedidos em uma das principais datas do varejo.

De acordo com Marcos Trinca, Head de XR da More Than Real, startup brasileira referência global no desenvolvimento de experiências de realidade aumentada, ou AR, e visão computacional, apostar no ARCommerce pode ser uma alternativa bastante surpreendente porque permite com que os consumidores consigam visualizar e testar, de forma realista, os produtos que desejam adquirir.

“A realidade aumentada é muito versátil. Todas as empresas que querem oferecer uma melhor experiência de compra devem considerar o investimento nessa tecnologia, principalmente nesse momento que estamos passando, onde o distanciamento social fortaleceu muito o comportamento de consumo pelos canais digitais. Os resultados alcançados por grandes varejistas que já adotaram essa tecnologia deixam claro que ela proporciona um engajamento positivo entre o público, as marcas e seus produtos, resultando naturalmente em uma taxa de conversão maior”, afirma.

3) Pix

Em novembro do ano passado, milhões de brasileiros passaram a usar o PIX, o novo meio de pagamento que veio para mudar a forma com que as pessoas fazem operações financeiras. A ferramenta caiu nas graças do público e passou a ser utilizada em diversos comércios e e-commerces.

É muito importante estar atualizado sobre o mercado e oferecer opções para pagamentos que deixem os clientes confortáveis ao realizar a compra: “Otimizar o checkout e oferecer métodos de pagamentos populares entre os consumidores é importante para aumentar as conversões de vendas. Mas não se esqueça de oferecer outras opções também, o cartão de crédito ainda lidera a preferência dos consumidores na hora de comprar online, mas disponibilizar cartão de débito e o tradicional boleto também é essencial” declara Ralf Germer, CEO da PagBrasil, fintech brasileira líder no processamento de pagamentos para e-commerce ao redor do mundo.

4) Bonificação

Programas de fidelidade ou de premiação atraem novos consumidores e estimulam a fidelização dos que já utilizam o seu serviço. Usar datas estratégicas pode ajudar a fazer um cronograma anual de promoções e aproximar a marca ainda mais do cliente, além de criar uma sensação de escassez.

A Cidadania4u, empresa especializada em reconhecimento de cidadania italiana e portuguesa, tem surfado nessa onda e colhido resultados importantes de fidelização dos clientes. Recentemente, criou uma parceria inédita com a Wine, maior clube de assinatura de vinhos do mundo: eles irão presentear com três kits de vinhos ou uma assinatura trimestral os clientes que indicarem novos clientes que fecharem o pacote Essential ou Premium.

Rafael Gianesini, CEO e fundador da Cidadania4u, diz que ações como essa ampliam o alcance da marca, além de dar um “agrado” a quem já utilizou do serviço e gostou: “Atualmente, um terço da nossa base de clientes chegou por indicação de outros clientes, então presentear eles é uma maneira natural de agradecer, mas isso não seria possível se não tivéssemos uma cultura prévia de encantar o cliente”, diz.

5) Benefícios, promoções e cashback

Um marketing bem construído e com as ferramentas certas consegue atrair novos clientes e fidelizar os antigos. Por isso, é importante investir em ferramentas que façam os consumidores se sentirem recompensados e próximos da empresa: “Aproveite as redes sociais do seu negócio para oferecer um conteúdo que converse com seu público, traga informações relevantes em seus posts, interaja com as pessoas e ofereça benefícios atrativos, como cashback, sorteios, e alguns descontos e promoções”, declara Sérgio Lima, publicitário e especialista em marketing digital e mídia de performance.

6) Canal de relacionamento eficaz e humanizado

Quando clientes entram em contato com uma marca, querem um atendimento assertivo que solucione as dúvidas, problemas e demais questões. Por isso, um canal direto e prático entre o consumidor e a empresa, é fundamental. “O setor varejista  deve investir em um CRM (Customer Relationship Management) eficaz, já que por meio deste é possível armazenar dados dos clientes, o que permite o oferecimento de melhores experiências.

Dessa forma, vendedores conseguem não apenas vender, como fidelizar consumidores que buscam por um atendimento personalizado e jornadas de compra positivas”, afirma Jefferson Araújo, CEO e Fundador da Showkase, plataforma que ajuda pequenos negócios a venderem online de forma descomplicada e integrada a todas as redes sociais e canais digitais.

A empreendedora Gisele Paula, CEO do Instituto Cliente Feliz, faz um alerta para que as empresas não se esqueçam que do outro lado do “balcão” tem uma pessoa com sentimentos e que passou a valorizar mais habilidades como cordialidade, empatia e respeito, assim como você. “Diversos estudos comprovam que marcas humanizadas criam mais engajamento e conexão com seus clientes. Então, deixe de ser tão formal na hora de falar com seus consumidores”, diz.

7) Recomendador de cartão de crédito

O cartão de crédito é um grande aliado para a vida financeira, mas pode se tornar um grande vilão se não souber utilizá-lo da forma correta. Com as medidas de restrição impostas pela pandemia, o cartão de crédito ganhou ainda mais força nas compras realizadas no e-commerce, sendo um dos principais meios de pagamento online. Dessa forma, o Plusdin, fintech brasileira de indicadores de serviços financeiros, oferece um serviço que auxilia as pessoas na tomada de decisões mais inteligentes ao contratar um serviço financeiro de forma rápida e eficiente.

“A plataforma que indica o serviço ideal para o que o cliente busca é completamente gratuita. É possível pesquisar quais são os cartões ideais para abastecer, para usar no exterior e até mesmo o ideal para aproveitar melhor as milhas. Com um leque de mais de 500 cartões disponíveis no Brasil, a inteligência do Plusdin dá conta de rankear os melhores produtos de acordo com cada necessidade”, afirma Alberto André, CEO do Plusdin.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedInTwitter | Facebook | Youtube

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também