Brasil

Ciclovia da Marginal Pinheiros será reaberta na próxima segunda-feira

A via estava fechada desde março por causa da pandemia de covid-19. O trecho passou por revitalização e deve ganhar iluminação nos próximos meses

 (José Luis da Conceição / Governo de SP/Divulgação)

(José Luis da Conceição / Governo de SP/Divulgação)

CC

Clara Cerioni

Publicado em 31 de julho de 2020 às 14h27.

Última atualização em 31 de julho de 2020 às 16h18.

Os 22 quilômetros da ciclovia da Marginal Pinheiros serão reabertos a partir do dia 3 de agosto. O trecho, que estava em reformas, foi fechado totalmente no fim de março por causa da pandemia da covid-19.

As obras de revitalização, que tiveram custo de 2,2 milhões de reais, foram financiadas pelo Santander e pela Sabesp que terão direito à concessão da ciclovia por 36 meses. As duas empresas também farão a manutenção pelo período.

Ao longo de toda a via foi revitalizado o asfalto, foram retiradas as lombadas, teve a pintura dos bicicletários e a instalação de chuveiros, na Estação Vila Olímpia. Durante as obras foram retirados ainda 50 toneladas de lixo. Dentre as novidades, há também a circulação de seguranças por toda a ciclovia.

De acordo com o secretário de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, cerca de 40 mil ciclistas utilizam a via diariamente para se deslocar ou para lazer. 

"Com a concessão, a CPTM [Companhia Paulista de Trens Metropolitanos] vai ter uma economia de 5,5 milhões de reais, com as obras e a manutenção. Nos próximos meses será feita a instalação de iluminação para atender a uma demanda antiga, que é o funcionamento até um período mais tarde, coincidindo com as operações dos trens", disse o secretário em entrevista coletiva nesta sexta-feira, 31.

Acompanhe tudo sobre:BicicletasCiclismoCPTMSabespSantander

Mais de Brasil

Quero ser responsável pela vitória dele, diz Lula no lançamento da candidatura de Boulos em SP

Com esquerda em peso e até bolsonarista, PSD oficializa candidatura de Paes sem definir vice

Vamos colocar a periferia em primeiro lugar, diz Boulos ao oficializar candidatura ao lado de Lula

Fuad e Kassab apostam em discurso moderado e feitos da gestão para reeleição em prefeitura BH

Mais na Exame