iPad e Mac mini transformam Bentley em car-office

Interior do luxuoso Bentley Mulsanne tem estações de trabalho retráteis, equipadas com iPads e outros produtos da Apple
 (Divulgação)
(Divulgação)
G
Gabriela Ruic

Publicado em 28/11/2011 às 11:39.

Última atualização em 18/10/2016 às 08:52.

São Paulo – Quem tem meios financeiros para sustentar um Bentley na garagem de casa é, certamente, uma pessoa solicitada no seu campo de atuação. Com o objetivo de tornar o tempo que se passa dentro do automóvel, de uma reunião para outra, mais eficiente e confortável, os engenheiros e artesãos da montadora britânica desenvolveram um conceito de design de interiores para seu modelo mais luxuoso, o Bentley Mulsanne, e que o transforma em uma espécie de car-office.

Apresentado na edição 2011 do Salão de Frankfurt, o Mulsanne Executive Interior Concepts (Mulsanne EIC) reúne itens como duas mesas de madeira retráteis, cada qual com seu iPad e teclado conectado via bluetooth. Além disso, o Mulsanne também conta com um Apple Mac mini instalado no porta-luvas, e que funciona como painel de controle dos gadgets, tela de LED com 15,5 polegadas e telefone acoplado ao braço da poltrona.

Conhecida internacionalmente como uma marca de garbo e elegância, a Bentley ainda incluiu um pequeno “mimo” ao Mulsanne EIC: uma caneta-tinteiro da italiana Tibaldi que pode custar até 40 mil dólares.