Magalu e Canaltech: agência publicitária interna aponta modelo de negócio

Magazine Luiza vai produzir conteúdo publicitário para as marcas. Samsung é primeira cliente da agência CT Lab

Quando a varejista Magazine Luiza comprou a empresa de mídia Canaltech em agosto, muito se discutiu sobre o futuro das empresas. Agora despontam sinais claros dos caminhos a serem seguidos. Dentro da ferramenta de anúncios online Magalu Ads, o Canaltech anuncia a CT Lab, uma agência publicitária focada em criação de conteúdo e projetos especiais para grandes empresas.

“Já vendíamos campanhas publicitárias no Canaltech, mas dentro do Magalu temos potencial e insumos para entregar resultados melhores e mais completos”, afirma Domingos Hypolito Neto, Co-Founder & CMO do Canaltech, em entrevista exclusiva para a EXAME.

Para isso, a empresa está investindo, por exemplo, na contratação de profissionais jovens, com menos de 30 anos, que entendam bem das linguagem usadas na internet para diferentes públicos e marcas, visto que o trabalho servirá para todas as empresas do grupo, como Netshoes e Época Cosméticos.

“Trazemos entretenimento e informação de acordo com o interesse do consumidor. Sempre avaliamos produtos de tecnologia pelo que eles realmente são e não será diferente agora. Além disso, começamos a pensar em campanhas para outros segmentos”, diz Felipe Szatkowski, diretor do Canaltech.

As equipes envolvidas tinham expectativa de alcançar os primeiros resultados em cerca de seis meses após o anúncio da aquisição, mas o processo foi bastante acelerado e uma parceira está ativa com a Samsung na campanha #CriecomGalaxy, que aposta na criatividade de influenciadores. No conteúdo criado pelo CT Lab e Samsung cinco influenciadores foram convidados para desenvolver uma campanha inteiramente produzida com os produtos recentemente lançados pela marca.

Neste caso, o conteúdo fala sobre música, artes e esportes, e apenas no final da campanha o consumidor saberá do patrocinador por trás de tudo. “O conteúdo é a estrela da campanha, assim como deve ser nos futuros trabalhos do CT Lab”, diz Neto.

O lançamento do laboratório aponta um caminho que o Magalu deve seguir nos próximos meses ao internalizar as suas campanhas e das marcas parceiras. “É um movimento recorrente na empresa. Lançamos o MagaluPay e outros serviços prioritários. Com a produção de conteúdo e publicidade internalizada temos vantagens de negócios, economia e melhor entendimento do cliente”, diz Leonardo Marques Bernardes Correa, gerente do MagaluAds.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.