Criptoinvestidores: conheça os investidores do mercado de criptomoedas

Quem quer ser um dos criptoinvestidores deve saber mais sobre o investimento em criptoativos
 (Getty/Getty Images)
(Getty/Getty Images)
D
Da RedaçãoPublicado em 30/08/2022 às 18:00.

Criptoinvestidores são aqueles investidores que alocam seu capital no mercado das criptomoedas.

Portanto, quem quer ser um dos criptoinvestidores deve saber mais sobre o investimento em criptoativos.

O que são Criptoinvestidores?

Criptoinvestidores são os investidores do mercado de criptoativos. Ou seja: são pessoas que alocam seu capital em criptomoedas buscando os retornos que esse mercado pode proporcionar ao longo do tempo.

Vê-se que essa é uma modalidade de investidor que tem crescido conforme cresce o mercado das criptomoedas.

Independente de ter todo o seu capital em cripto ou apenas uma parte, basta investir nesse tipo de ativo para se tornar esse tipo de investidor.

Também é importante notar que esse tipo de investimento pode trazer elevadas rentabilidades. Por isso, muitas pessoas têm se interessado por ele.

Sendo assim, é fundamental entender no que consiste esse tipo de investidor e como se expor ao mercado de criptoativos.

Qual é o perfil dos Criptoinvestidores?

De forma geral, os investidores de criptomoedas possuem um perfil de investidor mais arrojado na hora de alocar o seu capital. Ou seja: eles toleram mais volatilidade e incertezas de mercado do que outras pessoas.

Sendo assim, os investidores de criptomoedas veem grandes oportunidades nos momentos de pessimismo em que muitos param de negociar criptoativos.

Por exemplo: em quedas generalizadas do mercado cripto, com quedas de 20, 30 ou 50%, quando todos têm medo, eles veem oportunidade de comprar os ativos mais baratos.

Entretanto, vale notar que existem dois tipos de investidores de criptomoedas: primeiramente, aqueles que investem para o longo prazo (ou seja, que carregam seus ativos por meses ou até anos).

Por outro lado, há aqueles que preferem fazer operações de curto prazo e não segurar os ativos por muito tempo. Tudo dependerá da forma de abordar o mercado. 

É possível, ainda, juntar as duas estratégias e ter um percentual da carteira para o longo prazo e outras para operações pontuais.

Os Criptoinvestidores só investem em criptomoedas?

Muitos se questionam se os criptoinvestidores preferem investir apenas em criptomoedas. A resposta é simples: depende.

De fato, existem alguns investidores que veem tantas oportunidades nas criptomoedas que preferem alocar todo o seu capital nesses ativos. Assim, eles possuem um portfólio com, Bitcoin, Ethereum, stable coins e outras criptos.

Por outro lado, existem aqueles que têm menos apetite ao risco e preferem diversificar as suas operações com outras classes de ativos. 

Por exemplo: é possível investir em ações do índice Ibovespa, em ações internacionais, em fundos de investimento e até mesmo na renda fixa.

O importante é cada investidor achar o percentual ideal para se expor nesse mercado, evitando comportamentos de manada como vender tudo na baixa.

Quais as vantagens de ser um Criptoinvestidor?

Existem diversas vantagens de investir em criptomoedas, mas a principal delas está relacionada com o lucro que elas podem trazer.

De fato, a rentabilidade do mercado cripto é muito elevada quando comparada com mercados tradicionais, como o mercado de ações e principalmente o mercado de renda fixa.

Por isso é que muitas pessoas buscam esse tipo de ativo para aumentar seus lucros e conseguir a independência financeira mais rapidamente.

Além disso, investir nos criptoativos é uma forma de investir em projetos de tecnologia descentralizada que podem trazer soluções tecnológicas inovadoras. 

Isso faz com que muitos entusiastas de tecnologia participem desse mercado e comprem ativos relacionados com De-Fi, Web 3.0 e outras tecnologias descentralizadas.

Quais as desvantagens de ser um Criptoinvestidor?

Há, por outro lado, desvantagens de investir em criptomoedas que muitos conhecem: a chance de ser vítima de fraudes e de investir em ativos que percam todo o seu valor.

Em primeiro lugar, é preciso saber que muitas pessoas criam golpes usando o nome “criptomoedas” para angariar fundos de investidores e subirem com o dinheiro. 

De forma geral, eles criam um projeto promissor que tratá tecnologias inovadoras e somem com o dinheiro de seus investidores pouco tempo depois. Por isso, é preciso estudar bem antes de investir em cripto!

Outro ponto importante é que muitos criptoativos podem trazer altas rentabilidades, mas também podem fazer o investidor perder todo o seu dinheiro.

Por isso, o estudo dos criptoativos é fundamental antes de alocar capital. Além disso, saber se expor de forma controlada é muito importante nesse mercado.

Vale a pena ser um Criptoinvestidor?

Quando uma pessoa levanta o questionamento sobre valer ou não a pena tornar-se um criptoinvestidor, a resposta é que isso depende de muitos fatores.

Em primeiro lugar, a pessoa deve estar ciente da sua tolerância ao risco: se ela for muito conservadora nos investimentos, esse mercado pode não ser para ela.

No entanto, se o indivíduo entender os riscos dos ativos voláteis e quiser se expor ao criptomercado, é possível adentrar nessa espécie de investimento.

Idealmente, o investidor deve começar a se expor devagar, buscando fazer aportes pequenos até se acostumar com o mercado. 

Outra possibilidade é usar a técnica conhecida como dollar cost averaging, que consiste em dividir os aportes igualmente ao longo de períodos de tempo. Por exemplo: o investidor pode aportar um pouco toda semana ou todo mês.

Você ainda tem dúvidas sobre como se tornar um criptoinvestidor? Confira outros conteúdos como esse em nosso Guia de Investimentos, como:

O que são bancos de investimentos?
6 tipos de investimentos para fazer seu dinheiro render mais
O que é alavancagem financeira?