Após polêmica com Neymar, Mbappé fala sobre relação com brasileiro

O camisa 7 do PSG falou pela primeira vez sobre a polêmica com Neymar a respeito dos pênaltis do PSG
Neymar e Mbappé: O caso rendeu uma reunião dos jogadores com a diretoria do clube (Valentine CHAPUIS / AFP/Getty Images)
Neymar e Mbappé: O caso rendeu uma reunião dos jogadores com a diretoria do clube (Valentine CHAPUIS / AFP/Getty Images)
André Martins
André Martins

Publicado em 05/09/2022 às 19:27.

Última atualização em 05/09/2022 às 19:36.

O atacante francês Kylian Mbappé participou nesta segunda-feira, 5, de sua primeira entrevista coletiva desde a polêmica com Neymar a respeito dos pênaltis na goleada por 5 a 2 do PSG sobre o Montpellier, no Campeonato Francês.

Questionado sobre a relação com Neymar, o camisa 7 do Paris garantiu que não tem problema com o brasileiro, mas disse que os dois vivem altos e baixos. “Com Neymar, sempre tivemos uma relação baseada no respeito. Sempre tivemos momentos mais frios, às vezes mais calorosos. Às vezes, somos melhores amigos e às vezes nos falamos menos. Essa é a natureza do nosso relacionamento”, disse.

Mbappé reforçou que respeita o camisa 10 da seleção brasileira e disse que ele é importante para o PSG. Sobre quem bateria um possível pênalti na próxima partida, o francês evitou garantir quem seria o cobrador. "Se a partida resultar em uma batida do Neymar, ele vai bater, se for eu, sou eu. O número 1 não significa que você bata todos os pênaltis, não existe em nenhum clube e muito menos quando você joga com três jogadores assim (Mbappé, Neymar e Messi). É preciso saber repartir o bolo. Não há problema com isso", completou. 

Os dois atacantes convivem no PSG há cinco anos e tiveram nesse início de temporada o momento mais tenso da longa relação. Após a renovação de contrato de Mbappé e os principais jornais franceses garantirem que o atacante não se importaria com a saída de Neymar, o clima entre os dois jogadores azedou.

O estopim foi durante a partida contra o Montpellier, onde o camisa 7 do PSG perdeu o primeiro pênalti do jogo e Neymar bateu e converteu o segundo. Durante a partida, Mbappé fez um gol e não comemorou com os companheiros. Já o craque brasileiro curtiu postagens no Twitter que criticavam o atacante francês. 

O caso rendeu uma reunião dos jogadores com a diretoria do clube. Segundo a mídia francesa, os craques teriam resolvido suas diferenças.

Com seus dois principais jogadores em paz, o PSG enfrenta a Juventus nesta terça-feira, na estreia do time na Champions League.

LEIA TAMBÉM: 

Mbappé estaria namorando modelo trans, diz mídia francesa

Quem é Ines Rau, a modelo trans que estaria namorando o craque francês Mbappé