Como usar almofadas decorativas em diferentes ambientes da casa

Os designers e arquitetos usam almofadas decorativas para tornar os ambientes das residências mais estilosos, mas também confortáveis. Saiba como usar o item
Almofadas Decorativas: por que usar nos ambientes da casa? (Viva Decora/Divulgação)
Almofadas Decorativas: por que usar nos ambientes da casa? (Viva Decora/Divulgação)
Por Viva DecoraPublicado em 21/05/2022 08:00 | Última atualização em 19/05/2022 13:00Tempo de Leitura: 4 min de leitura

Quando vamos colocar móveis em uma casa pela primeira vez, o peso das contas nos faz questionar alguns gastos possivelmente desnecessários. Bem, nessa balança, excluir da lista as almofadas decorativas seria um erro enorme. 

Algumas pessoas pensam que elas se tratam de peças meramente ornamentais. Contudo, sua função nas composições vai muito além do que os olhos podem perceber. Inclusive, os especialistas sabem bem disso, e compartilhamos suas dicas neste texto.

Quebrar a monotonia dos ambientes

Talvez você nunca tenha percebido, contudo, muitas decorações modernas se baseiam em composições com móveis de linhas retas. Por falar nisso, o efeito desse tipo de linha regular nos interiores de residências precisa ser bem estudado para que o efeito final fique longe da monotonia. E sabe como “quebrar” isso? Bem, tem um jeito simples, que é por meio do modo como posicionamos pequenos elementos nos ambientes, tipo almofadas.

Aqui vai uma dica que certamente você não esperava. Como bem sabe, almofadas decorativas são geralmente utilizadas sobre estofados e camas. Mas sabe por que o efeito obtido em produções profissionais - como de imóveis decorados - parece diferente do que conseguimos reproduzir em nossa própria casa? Não vai acreditar, mas além da correta combinação de cores, é a batidinha feita sobre as almofadas, criando aquele 'V' no topo.

Acrescentar toques de cor e textura às composições

(Viva Decora/Divulgação)

Nas lojas, encontramos vários modelos diferentes de almofadas decorativas à venda. Todas têm grande potencial de incrementar ambientes. A questão é que nem todas as possibilidades parecem corretas para a sua casa, não é mesmo? É preciso estudar as combinações que podem ser feitas - caso a caso.

Por exemplo, se o cômodo a ser decorado já possui uma cor vibrante dominante, as almofadas escolhidas para ele podem até ser estampadas, mas nessa mesma cor. Praticamente a mesma regra vale quando temos uma grande área de estampa - em paredes, tapetes, cortinas ou piso. As almofadas decorativas só podem ter estampa diferente se apresentarem a mesma paleta de cores deste fundo. 

E nos dois casos, é possível aumentar o grupo com almofadas em cores neutras - como branco, bege, preto e cinza.

Agora, vamos supor que o cômodo já foi trabalhado inicialmente em cores neutras e estampas sutis. Talvez as almofadas sejam as peças certas para "jogar" mais textura no cenário, o que não quer dizer que tenhamos de impactar muito o olhar ou alterar a paleta de cores suave proposta para o todo. 

É, mais uma vez, uma tentativa de quebrar a monotonia. A exemplo das almofadas em crochê, felpudas, em veludo, com drapeados, lantejoulas, entre outras.

Criar pontos focais

(Viva Decora/Divulgação)

Almofadas também podem ser usadas como instrumento para correção de uma decoração. Ou ainda, simplesmente a criação de novos pontos focais e a valorização de um ponto do imóvel, que chamará com mais força o olhar dos observadores. 

Por exemplo, digamos que você queira destacar melhor a cama do quarto, desviar a atenção do painel da TV para o sofá da sala e deixar a poltrona de leitura da varanda mais convidativa. A resposta: almofadas.

E que tipo de almofada vai chamar mais a atenção nas decorações? Bem, obviamente aquelas com cores mais vivas e em texturas mais "agressivas", ou somente as almofadas em cores opostas ao pano de fundo. Por exemplo, um grupo de almofadas azul-escuro frente a uma decoração azul-claro; almofadas verde-escuro frente a uma decoração laranja; e várias almofadas coloridas sobre móveis em tons neutros.

Observação: o formato das almofadas é outro aspecto que pode atrair a atenção das pessoas. É possível brincar com isso também, outra vez buscando dar movimento e tornar mais atraente as decorações.

Tornar os ambientes mais confortáveis

(Viva Decora/Divulgação)

Os projetistas podem usar e abusar das almofadas para regular alguns aspectos de conforto ambiental das moradias. Por exemplo, a acústica de cômodos como sala de TV - controlando a reverberação do som - ou mesmo tornar alguns setores da casa mais aquecidos, especialmente quartos revestidos com piso frio. Isso certamente fará a casa parecer mais aconchegante, tenha certeza.

Oferecer um astral mais descontraído

(Viva Decora/Divulgação)

Por fim, a presença das almofadas pode ajudar a quebrar a formalidade de certos cômodos, sobretudo criados sob uma estética mais clássica. A mensagem que elas passam é de que "sim, você é convidado a se recostar aqui e se sentir confortável". 

Por isso, são o complemento perfeito para decorações de quartos, salas de estar, varandas, cantinhos de leitura, brinquedotecas, e mais.

Essas dicas de decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.

Veja Também

União vende 390 imóveis com descontos de até 66%
Mercado imobiliário
Há 2 semanas • 2 min de leitura

União vende 390 imóveis com descontos de até 66%