"Hunter de agências" quer movimentar R$ 63 mi no mercado de comunicação

Empresa triplicou faturamento promovendo a aproximação entre epresas e agências de comunicação
Perspectivas otimistas são oriundas do modelo de negócio (Maskot/Getty Images)
Perspectivas otimistas são oriundas do modelo de negócio (Maskot/Getty Images)
B
BússolaPublicado em 05/06/2022 às 12:36.

Por Bússola 

Fazendo a intermediação da relação comercial entre empresas e agências de comunicação no Brasil, a B.done pretende ser responsável direta pela movimentação de R$ 63 milhões em serviços no setor de comunicação e marketing ao longo deste ano, montante três vezes superior ao de 2021. Com isso, a companhia prevê faturar R$ 3,8 milhões em 2022, um crescimento de 300% em relação ao ano passado.

As perspectivas otimistas são oriundas do modelo de negócio, que une uma curadoria especializada de vários segmentos da comunicação e marketing e o entendimento da necessidade das marcas. “Temos uma metodologia própria. O primeiro passo é entender melhor o desafio, que pode passar por comunicação, digital, CRM, incentivo de vendas, eventos, comunicação interna, PR, entre outros serviços. Em seguida, vamos buscar no nosso ecossistema as agências que cumprem o perfil”, diz Cáh Morandi, CEO e fundadora da B.done. “Trata-se de um verdadeiro papel de hunting de agências.” 

Criada pela empreendedora em abril de 2020, a companhia conta hoje com 124 agências parceiras e, ao longo de sua curta trajetória, já atendeu mais de 180 corporações, como Panasonic, Embelleze, Santa Helena Alimentos, On Farm, Mococa, Vagas.com, Movidesk, Faber-Castell. Hoje com 14 colaboradoras, o time é 100% feminino nas áreas de negócios, marketing e operações, sem contar parceiros internos que auxiliam nas demais demandas. “Até o final do ano, temos a expectativa de atender mais de 250 organizações e aumentar em até 40% o número de colaboradores”, afirma Morandi. 

Para suportar essa projeção de crescimento, a B.done está investindo em comunicação e mídia, produto, e educação.  

Metodologia  

A B.done mescla a tecnologia interna com um acompanhamento humanizado. Sua base de dados é integrada com o LinkedIn, o que garante em tempo real informações dos times de profissionais e organizações de marketing e comercial no Brasil. No total, são mais de 16 mil empresas e 80 mil profissionais mapeados.   

A empresa promete às empresas 95% de economia no tempo de busca de uma nova agência, além de uma redução de 48% no custo das concorrências e BIDs. Já para as agências, a empresa se tornou umas das principais fontes de geração de novos negócios e um canal importante para geração qualificada de demanda de oportunidades de concorrências. “Alguns trabalhos resultaram em mais de 70% da receita da agência, outros cresceram mais de 50% o número de colaboradores. Existem casos ainda em que conseguimos aumentar o ticket médio em 120% com apenas seis meses de trabalho”, declara Morandi.    

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube 

Veja também
Trade marketing: uma nova fronteira entre indústria e consumidores
Setor de comunicação corporativa quer ouvir os clientes das agências
Com a oferta digital, como entregar a melhor experiência em seguros