Um conteúdo Bússola

Alice Sosnowski: Um exercício de autorreflexão sobre a vida

Você sabe onde quer chegar? Quais são suas motivações, preferências, talentos e competências
Você ainda se pergunta o que quer ser quando crescer? (Gëzim Fazliu / EyeEm/Getty Images)
Você ainda se pergunta o que quer ser quando crescer? (Gëzim Fazliu / EyeEm/Getty Images)
B
BússolaPublicado em 09/08/2022 às 10:25.

Por Alice Sosnowski*

Você já se deu conta o quanto mudamos dia após dia? Mudamos de casa, de trabalho, de comportamento, de amigos, até de relações afetivas. Nós, seres humanos, nos transformamos continuamente, mas às vezes nem nos damos conta disso e ainda ficamos agarrados a imagens nossas do passado, a crenças que já não servem mais.

Assim, fazer uma radiografia de nós mesmos é um exercício que deveria ser executado periodicamente. Se eu te questionar de bate-pronto, você sabe dizer quais são suas motivações, preferências, talentos e competências?

Para responder, é preciso fazer uma auto-análise e identificar individualidade. E essas perguntas oferecem uma excelente reflexão. Assim como temos exercícios físicos para fortalecer nossa musculatura, refletir sobre si mesmo é um importante avanço na jornada do autoconhecimento e uma forma de se conectar com o seu EU interior.

Na prática, eu sempre recomendo para os meus mentorados que façam periodicamente uma prática de reflexão que compartilho aqui com vocês. Escolha um local e um horário tranquilos, em que você não será interrompido. Faça um exercício simples de três respirações longas e responda às perguntas abaixo. Saiba que não existe certo e errado, apenas o seu jeito, por isso tente ser o mais honesto e sincero consigo mesmo.

Pense no passado

Reflita sobre a sua infância, revise suas memórias. Quando você era criança, quais eram as suas brincadeiras favoritas? O que você mais gostava nelas? O que respondia à pergunta “O que você vai ser quando crescer?”

Pense no presente

Qual a melhor coisa em sua vida, atualmente? O que te faz feliz? Onde e como você se sente melhor? O que é realmente importante para você na sua vida? Quais são seus valores mais importantes? Como você encerra seu dia? O que ficou daquela criança que você foi?

Pense nos seus gostos atuais

Quais são os assuntos que mais chamam a sua atenção? O que você lê nas horas vagas?  E as atividades que você adora fazer, ficando completamente focado e sem perceber o tempo passar? Quais são suas preferências, interesses e passatempos? Quais temas você sempre busca na internet? Sobre qual assunto você adora conversar? Por que você está vestido assim?

Suas motivações

O que te traz brilho nos olhos? Quais são os valores éticos e os preceitos que orientam sua vida? Se você só pudesse fazer uma coisa paro resto da sua vida, o que seria? O que faz sem esforço e pode fazer nos fins de semana ou nas madrugadas sem grande sacrifício? O que você faria só por divertimento?

Seus talentos e habilidades

O que faz de você uma pessoa única? O que você tem de melhor? Quais são as características que te fazem único? Todo mundo tem qualidades que se destacam. Não seja modesto, faça uma lista com todos seus pontos fortes. O que faz você se admirar por si mesmo? Que palavra (escolha apenas uma!) melhor te define? Como você expressa suas qualidades no seu dia a dia? Qual característica sua que mais admira?

Escreva as respostas ou grave um áudio, um vídeo e retome sempre que achar importante para o avanço do seu autoconhecimento. E isso é muito importante para sua jornada hoje e sempre!

*Alice Salvo Sosnowski é jornalista, consultora de negócios e especialista em empreendedorismo e soft skills. Foi eleita em 2019 uma das Top Voices no Linkedin. Criadora da metodologia O Pulo do Gato Empreendedor, que desenvolve habilidades para os desafios da nova economia

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedInTwitter | Facebook | Youtube

Veja também

Como alcançar a felicidade no trabalho e transformá-la em lucro

Iona Szkurnik: O que você aprendeu que mais te impactou na vida?

Investir em seus pontos fortes pode ser o caminho para a felicidade