A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Pedido de CPI da Copa é devolvido por falta de assinaturas

Comissão iria investigar suspeitas de irregularidades nos gastos com a Copa do Mundo de 2014

São Paulo - O requerimento pedindo a instalação de uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito para investigar suspeitas de irregularidades nos gastos com a Copa do Mundo de 2014 será devolvido ao autor por falta de assinaturas, disse o presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

Em sessão nesta terça-feira, Renan afirmou que a proposta será devolvida ao deputado Izalci Lucas (PSDB-DF), autor do requerimento, por que não reuniu o número mínimo de assinaturas exigido pela Constituição, que é de 27 senadores e 171 deputados, informou a Agência Senado.

No fim de julho, Izalci chegou a anunciar as assinaturas de 186 deputados e 28 senadores. Não foram divulgados os nomes dos parlamentares que retiraram suas assinaturas do requerimento. Com a devolução, o deputado poderá tentar reunir mais assinaturas para viabilizar a CPI.

De acordo com o requerimento, a CPI mista tinha o objetivo de apurar em 180 dias supostas irregularidades no uso de recursos públicos federais nas obras de infraestrutura da Copa das Confederações, realizadas em junho, e da Copa do Mundo de 2014.

Os gastos de 33 bilhões de reais com esses eventos esportivos foram um dos principais motes da onda de manifestações que chegou a levar mais de um milhão de pessoas às ruas de todo o país em um só dia em junho.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também