Brasil

Lula diz que subida do dólar ‘preocupa’ e que há ‘jogo especulativo contra o real’

Presidente ainda disse que o governo vai adotar medida para conter a alta da moeda americana, mas que não pode falar porque estaria "alertando" seus "adversários"

27.06.2024 - Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, durante a cerimônia sobre investimentos do Governo Federal em Contagem (MG), no bairro Granja Ouro Branco. Contagem - MG.

Foto: Ricardo Stuckert / PR

27.06.2024 - Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, durante a cerimônia sobre investimentos do Governo Federal em Contagem (MG), no bairro Granja Ouro Branco. Contagem - MG. Foto: Ricardo Stuckert / PR

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 2 de julho de 2024 às 09h28.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que a subida do dólar o preocupa e que a alta constante da moeda faz parte de um jogo "especulativo" e de "interesses" contra o real.

"Obviamente que me preocupa essa subida do dólar, é uma especulação, é um jogo de interesses especulativo contra o real nesse país. E eu tenho conversado com as pessoas sobre o que a gente vai fazer. Estou voltando e quarta-feira terei uma reunião, porque não é normal o que está acontecendo, não é normal", disse durante entrevista a uma rádio da cidade de Feira de Santana (BA).

Questionado se o governo vai adotar alguma medida para conter a depreciação do real, Lula afirmou que é necessário tomar alguma atitude, mas não revelou o que seria:

"Temos que fazer alguma coisa, mas não posso falar porque estaria alertando meus adversários".

Agenda pelo Nordeste

Em seguida, o presidente continua a agenda de viagem ao Nordeste nesta terça-feira, onde participará de uma caminhada em Salvador e de anúncio de entregas no Recife.

Pela manhã, a cerimônia na capital da Bahia é pela celebração da independência no estado em 1823, quando forças portuguesas que resistiam à declaração no ano anterior foram derrotadas.

No Recife, Lula participa da cerimônia de entrega de 448 unidades habitacionais. Na ocasião, também serão anunciados dois novos campi: um na capital do Instituto Federal de Pernambuco; e outro em Sertânia (PE), o Campus do Sertão da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Na mesma solenidade, será feito o anúncio da inclusão de duas maternidades do Novo PAC, em Ouricuri e Garanhuns. Lula também participa da assinatura de contrato do programa de regularização fundiária na periferia.

 

Acompanhe tudo sobre:Região NordesteDólar comercialLuiz Inácio Lula da Silva

Mais de Brasil

Mísseis de longo alcance dos EUA na Alemanha apontam para um retorno à 'guerra fria', diz Kremlin

Câmara aprova em primeiro turno PEC da Anistia; veja o que muda

Abin Paralela: tudo o que se sabe sobre monitoramento de ministros do STF, políticos e jornalistas

Novo Ensino Médio: reforma libera escolas a trocar trabalho remunerado ou voluntário por aulas

Mais na Exame