Em duas horas de votação, 310 urnas eletrônicas foram substituídas

Segundo o TSE, o número representa 0,06% do total de 454,4 mil urnas utilizadas no pleito deste ano

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou há pouco que 310 urnas eletrônicas precisaram ser substituídas nas primeiras duas horas de votação no país. Segundo o tribunal, o número representa 0,06% do total de 454,4 mil urnas utilizadas no pleito deste ano. Até o momento, não foram registrados locais com votação manual.

Os estados que tiveram o maior número de urnas com defeito foram São Paulo (49), Minas Gerais (46), Sergipe (35), Rio de Janeiro (34), Rio Grande do Sul (30), Paraná (17) e Pernambuco (13).

Os números constam no primeiro balanço sobre ocorrências nas duas primeiras horas de votação, que começou às 8h nos estados que seguem o fuso horário de Brasília.

A votação será encerrada às 17h, conforme horário local de cada região.

São 147.302.357 brasileiros aptos a escolher o presidente da República, os governadores de 26 estados e do Distrito Federal, 54 senadores, 513 deputados federais, 1.035 deputados estaduais e 24 deputados distritais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.