Agentes da CET prometem parar por 24 horas em SP

A principal reivindicação dos operadores de trânsito é o reajuste salarial de 12%

São Paulo - Os agentes de trânsito da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) prometem parar suas atividades por 24 horas na noite desta terça-feira, 03.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores no Sistema Viário e Urbano do Estado de São Paulo (Sindviários), a paralisação da categoria começa às 22h desta terça. A principal reivindicação dos operadores de trânsito é o reajuste salarial de 12%.

"Nós não tivemos nenhuma outra proposta. A empresa insiste em 5,4%, mas a nossa pauta é de 12%, o que na verdade corresponde a 5,5% de aumento real, se levarmos em consideração a inflação medida pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos)", disse Reno Ale, presidente do Sindviários.

Ainda segundo Ale, caso não haja acordo até as 22h de quarta-feira, 04, a categoria começará uma greve por tempo indeterminado. Em uma assembleia marcada para quarta-feira, às 18h, na Câmara Municipal de São Paulo, os agentes devem decidir se a greve terá início imediato ou começará na próxima segunda-feira, 09.

Entre as vias da cidade que devem ter o trânsito prejudicado pela falta de supervisão dos agentes, o presidente do sindicato destacou a Marginal do Tietê, a Marginal do Pinheiros, a Radial Leste e as Avenidas do Estado e dos Bandeirantes, além do Elevado Presidente Arthur da Costa e Silva, conhecido como Minhocão.

"O operador de trânsito possibilita que as pessoas possam circular nos seus veículos com a maior segurança possível e que o transporte público flua. Esse profissional ajuda a evitar acidentes e preservas milhares de vida em um ano em São Paulo, tem de ser valorizado", afirmou Reno Ale.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.