A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Goodyear cria pneu que se enche sozinho

A Goodyear está desenvolvendo um pneu que se mantém calibrado por conta própria, inclusive em caso de furos

São Paulo — A calibragem periódica dos pneus pode, num futuro não muito distante, deixar de ser uma prática obrigatória de manutenção. A Goodyear está trabalhando numa nova tecnologia que permitirá, aos pneus, encherem-se sozinhos e manter a pressão sempre no nível ideal. O sistema emprega uma bomba embutida no próprio pneu para comprimir o ar na pressão adequada. Ela é acionada pelo movimento das rodas quando o carro anda. Como um veículo com pneus murchos tende a desperdiçar combustível, esse trabalho tem atraído apoio governamental em países interessados em reduzir as emissões de gás carbônico e diminuir o consumo de petróleo.

Nos Estados Unidos, a empresa recebeu um subsídio de US$ 1,5 milhão para acelerar as pesquisas. O objetivo, lá, é criar um sistema comercialmente viável para caminhões. Já na Europa, a companhia desenvolve uma solução para uso em automóveis com o apoio do governo de Luxemburgo, onde ela tem um centro de pesquisas. "Ainda que sejam similares no conceito, os sistemas destinados a caminhões têm diferenças significativas em relação aos que serão usados em automóveis", diz Jean-Claude Kihn, vice-presidente sênior e CTO da Goodyear, num comunicado da empresa. Infelizmente, a companhia não divulgou nenhuma previsão de quando os novos pneus estarão à venda.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também