Facebook anuncia novas medidas para proteger usuários

Após escândalo envolvendo o vazamento de dados, a rede social prometeu medidas adicionais nas próximas semanas para a maior privacidade dos usuários

O Facebook anunciou nesta quarta-feira que tomará "medidas adicionais" para dar aos usuários um controle maior de seus dados privados, depois do escândalo Cambridge Analytica (CA), que colocou em xeque a poderosa rede social.

"Estaremos tomando medidas adicionais nas próximas semanas para dar às pessoas mais controle de sua privacidade", afirmaram em um blog a chefe do setor de privacidade, Erin Egan, e a conselheira-geral adjunta Ashlie Beringer.

As fontes afirmam, em um comunicado, que a empresa entende "que os ajustes de privacidade e outras ferramentas são muito difíceis de encontrar e que é preciso fazer muito mais para mantera as pessoas informadas".

O upgrade da rede social inclui melhorar o acesso aos ajustes, atalhos para o menu de privacidade e as ferramentas para buscá-los, baixá-los e apagar os dados pessoais armazenados pelo Facebook.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.