Live icon 

ELEIÇÕES 2022:  

Lula e Bolsonaro vão disputar o segundo turno Veja agora.

Alec Baldwin pode ter puxado gatilho de arma que matou diretora de "Rust"; entenda

De acordo com o FBI, o disparo teria ocorrido enquanto a arma estava na mão de Baldwin
Caso ocorreu em Outubro de 2021 e foi arquivado a pedido do ator. (AFP/AFP Photo)
Caso ocorreu em Outubro de 2021 e foi arquivado a pedido do ator. (AFP/AFP Photo)
A
Antonio SouzaPublicado em 15/08/2022 às 17:43.

Um relatório do FBI concluiu que Alec Baldwin pode ter disparado em tiro que matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins no set de filmagens “Rust, em outubro de 2021. A conclusão foi publicado pelo site ABC News.

De acordo com o FBI, o disparo teria ocorrido enquanto a arma estava na mão de Baldwin. Além de atingir e matar Halyna, os disparos também feriram o diretor Joel Souza. O ator nega ter puxado o gatilho, embora a conclusão aponte o contrário.

O tiro só poderia ter ocorrido nas mãos do ator, pois não seria possível a arma ter sido disparada sem o acionamento. Em janeiro deste ano, Baldwin pediu arquivamento de uma ação civil movida pela supervisora de roteiro Mamie Mitchel, na qual alegou que o ator deveria verificar se a arma Colt .45 não incluía munição real.

A produtora do filme foi multada em cerca de US$ 695 mil pelo Departamento de Saúde e Segurança Ocupacional do Novo México. O órgão alegou e houve violação “intencional e grave” nos procedimentos de segurança no set.

Relembre o caso

O ator Alec Baldwin atirou por acidente em duas pessoas e matou uma delas durante um incidente num set e filmagem do faroeste "Rust", segundo informações reveladas pela polícia do condado de Santa Fé, na Califórnia. Aos 68 anos, Baldwin é um dos mais conhecidos atores e diretores americanos. Sua última grande atuação foi em Missão Impossível, de 2018.

O ator prestou depoimento e foi liberado. "Houve um acidente envolvendo uma falha de ignição de uma arma cenográfica", disse a equipe de Baldwin à revista People. "É uma perda terrível", afirmou John Lindley, presidente da associação de roteiristas. As gravações foram suspensas.

O ator atingiu, segundo as autoridades, a diretora de fotografia Halyna Hutchins, 42 anos, e o diretor Joel Souza, 48 anos. Halyna foi encaminhada de helicóptero ao hospital da Universidade do Novo México, mas não resistiu aos ferimentos. Joel Souza recebeu atendimento de emergência em outro hospital, Christus St. Vincent, e está em estado crítico.

Veja também: 

Homem-aranha sem redes sociais: Tom Holland anuncia que vai priorizar saúde mental

Seu Jorge estará em série biográfica sobre Anderson Silva produzida pela Paramount+