Trump diz que conflito entre Turquia e Síria não é problema dos EUA

Comentário foi feito depois que dois membros do governo americano chegaram na Turquia para negociar um cessar-fogo
EUA: os EUA aplicaram sanções contra a Turquia por conta da ofensiva na Síria (Kevin Lamarque/Reuters)
EUA: os EUA aplicaram sanções contra a Turquia por conta da ofensiva na Síria (Kevin Lamarque/Reuters)
E
EFE

Publicado em 16/10/2019 às 13:12.

Última atualização em 16/10/2019 às 13:47.

Washington — O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta quarta-feira que o país que lidera não tem relação com a ofensiva militar que o governo da Turquia empreende contra milícias curdo sírias.

"Se a Turquia entra na Síria, isso é entre Turquia e Síria. Não é nosso problema", disse o chefe de Estado, em entrevista coletiva concedida na Casa Branca, onde recebeu o presidente da Itália, Sergio Matarella.

Curiosamente, Trump deu as declarações pouco antes da chegada do vice-presidente, Mike Pence, e do secretário de Estado americano, Mike Pompeo, ao território turco, onde se reunirão com o presidente Recep Tayyp Erdogan, para tentar buscar o cessar-fogo.