China declara que Wuhan está livre do coronavírus

Os últimos 12 pacientes da covid-19 deixaram o hospital na cidade onde a doença se originou. Os casos no mundo passam dos 3 milhões

A cidade de Wuhan, onde o surto de coronavírus se originou, declarou neste domingo, 26, que está livre do vírus após os últimos 12 pacientes saírem do hospital. As informações são da porta-voz da Comissão Nacional de Saúde da China, Mi Feng.

Wuhan é considerada o epicentro da doença, com os primeiros registros de vítimas da covid-19 em dezembro do ano passado. Em janeiro, a cidade entrou em quarentena total, e só foi reaberta em 8 de abril.

Segundo a porta-voz da Comissão Nacional de Saúde da China, o último paciente em estado grave se recuperou na sexta-feira, 24. O homem de 77 anos de idade também foi o último caso grave na província de Hubei, onde se encontra a cidade.

Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, a província inteira teve mais de 68 mil casos confirmados e 4.512 mortes até hoje. No mundo, as mortes por coronavírus já passam de 200 mil e os casos confirmados são superiores a 3 milhões.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.