Nubank muda regra de rentabilidade da conta digital; entenda

Conta digital do Nubank terá rendimento automático retroativo, mas seguirá rendendo 100% do CDI
Nubank: os valores que os clientes já tinham na conta digital antes dessa alteração continuarão rendendo 100% do CDI todos os dias úteis (Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via/Getty Images)
Nubank: os valores que os clientes já tinham na conta digital antes dessa alteração continuarão rendendo 100% do CDI todos os dias úteis (Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via/Getty Images)
Karla Mamona
Karla Mamona

Publicado em 11/07/2022 às 12:11.

Última atualização em 11/07/2022 às 12:15.

O Nubank anunciou nesta segunda-feira, 11, um novo recurso para os clientes possam organizar seus investimentos por objetivos. Com isso, a fintech informou que mudou a regra da rentabilidade da conta digital.

Dessa maneira, a conta digital terá rendimento automático retroativo. Com a nova regra, no 31º dia o cliente receberá o rendimento total dos 30 dias, como se estivesse rendendo 100% do CDI desde o primeiro dia. A partir daí, passará a ter rendimento todos os dias úteis.

Tenha acesso agora a todo o material gratuito da EXAME para investimentos, educação e desenvolvimento pessoal

Isso se aplica exclusivamente ao saldo dos novos depósitos ou seja, se o cliente precisar usar parte do montante para algum pagamento ou transferência, o rendimento retroativo e a cada dia útil será aplicado sobre o valor remanescente.

Os valores que os clientes já tinham na conta digital antes dessa alteração continuarão rendendo 100% do CDI todos os dias úteis.

A mudança ocorre em um primeiro momento para uma pequena base de clientes, com início em 25 de julho, e será implementada em fases, com liberação para toda a base de clientes no Brasil, de forma gradual.