Invest

O que esperar do balanço de Tesla? Empresa divulga nesta terça

Montadora de Elon Musk está sob pressão após números ruins no trimestre e concorrência chinesa

Os papéis da montadora caíram mais 3,4% na segunda-feira, tendo seu pior valor em 15 meses (Chesnot/Getty Images)

Os papéis da montadora caíram mais 3,4% na segunda-feira, tendo seu pior valor em 15 meses (Chesnot/Getty Images)

Publicado em 23 de abril de 2024 às 06h06.

Última atualização em 23 de abril de 2024 às 14h28.

Tudo sobreTesla
Saiba mais

A Tesla está tendo um 2024 muito difícil, mas esta terça-feira, 23, pode ser a chance de Elon Musk mudar a situação de sua empresa de veículos elétricos. As informações são do Quartz.

A montadora divulga seus lucros do primeiro trimestre após o fechamento dos mercados. Depois, fará uma call com analistas liderada por Musk, o CFO Vaibhav Taneja e Martin Viecha, chefe de relações com investidores da empresa.

A companhia do bilionário sul-africano precisa lidar com a desaceleração do crescimento das vendas de veículos elétricos e garantir aos investidores que será capaz de se recuperar depois de uma queda nas vendas nos primeiros três meses do ano - a primeira vez que isso aconteceu desde 2020. Depois das demissões anunciadas por Musk, os investidores estão preocupados com a ascensão dos rivais BYD e Xiaomi, que introduziram modelos mais baratos. Musk já suspendeu o projeto de lançar um Tesla mais "popular".

A empresa está se preparando para o que Musk chamou de "a próxima fase de crescimento", que provavelmente enfatiza os veículos autônomos; "ir com tudo para a autonomia é um movimento óbvio", disse o CEO da Tesla na semana passada.

Sendo um termômetro do momento ruim da empresa, as ações da Tesla atingiram uma nova baixa na sexta-feira (a pior em um ano), caindo para US$ 146,54 por ação. As ações caíram mais de 40% em 2024, tornando a Tesla uma das empresas com pior desempenho no S&P 500. Os papéis da montadora de elétricos caíram mais 3,4% na segunda-feira, US$ 142,05 por ação - o pior valor em 15 meses.

Os próximos passos da Tesla

Quais seriam as próximas estratégias de Elon Musk para a Tesla tentar reverter o momento ruim? Uma delas é se estabelecer na Índia. Entretanto, por causa da alta carga tributária, o plano foi adiado. Porém, com o forte lobby da empresa, as conversas avançaram.

Nova Déli permitirá que empresas estrangeiras de veículos elétricos importem até 8.000 unidades por ano com uma alíquota de 15%, bem abaixo dos atuais 70%. As montadoras deverão investir pelo menos US$ 500 milhões e iniciar a fabricação nacional em três anos para se qualificar para a nova alíquota.

No domingo, esperava-se que Musk viajasse para a Índia para se reunir com o primeiro-ministro Narendra Modi pela primeira vez desde junho de 2023, onde ele deveria anunciar um investimento de US$ 2 bilhões no país. A reunião, porém teve que ser adiado pelo bilionário.

Outro lugar que Musk olha com atenção é o México.

O presidente mexicano Andrés Manuel Lopez Obrador anunciou pela primeira vez os planos da Tesla para uma fábrica gigante em Nuevo Leone em fevereiro passado. A construção, no entanto, foi adiada devido às preocupações de Musk com a economia global e a vários atrasos na obtenção de licenças.

Então, em fevereiro - depois que as licenças foram aprovadas e US$ 135 milhões em incentivos foram garantidos - o governador de Nuevo Leone pediu à Tesla que começasse a trabalhar na fábrica em março. A produção não deve começar até 2026 ou 2027, de acordo com alguns fornecedores da Tesla, o que pode forçá-los a ajustar seus planos. Coletivamente, a Tesla e seus fornecedores pretendem investir US$ 15 bilhões na fábrica até o final de 2025.

Acompanhe tudo sobre:elon-muskTeslaCarros elétricos

Mais de Invest

Mega-Sena: aposta de Ponta Grossa, no Paraná, leva prêmio acumulado de R$ 114 milhões

Veja o resultado da Mega-Sena, concurso 2734; prêmio acumulado é de R$ 112 milhões

Caixa abre cadastro de imóveis para compra pelo governo e doação ao RS

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 112 milhões

Mais na Exame