Acompanhe:

Qual a data-com para receber os dividendos da Petrobras (PETR4)?

Estatal aprovou pagamento de quase R$ 44 bilhões aos acionistas com base no resultado do terceiro trimestre

Dividendos da Petrobras (PETR4): companhia anunciou pagamento de R$ 43,7 bilhões (Luiz Souza/NurPhoto/Getty Images)

Dividendos da Petrobras (PETR4): companhia anunciou pagamento de R$ 43,7 bilhões (Luiz Souza/NurPhoto/Getty Images)

B
Beatriz Quesada

3 de novembro de 2022, 18h49

A Petrobras (PETR3/PETR4) aprovou nesta quinta-feira, 3, o pagamento de R$ 43,684 bilhões em dividendos a seus acionistas detentores tanto das ações preferenciais quanto das ordinárias. Serão pagos R$ 3,3489 por papel.

O valor, referente ao terceiro trimestre, é pouco menos da metade dos dividendos históricos pagos no trimestre passado, que somaram R$ 88 bilhões e levaram a companhia a ser a maior pagadora de dividendos do mundo no período.

Qual a data-com para recebimentos dos dividendos?

A data de corte (data-com) será 21 de novembro, ou seja, terão direito a receber o pagamento apenas os investidores que tenham posse das ações até esta data. A partir do dia 22 de novembro, as ações serão negociadas sem direito (data-ex) aos dividendos já anunciados.

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia

O pagamento será dividido em duas partes iguais nos meses de dezembro e janeiro. A primeira parcela, de R$ 1,67445, será paga em 20 de dezembro. A segunda, também de 1,67445, será paga um mês depois, em 19 de janeiro de 2023. 

Leia maisOs dividendos bilionários da Petrobras e da Exxon têm a mesma explicação