Ações de shoppings disparam na bolsa após resultado de vendas da Multiplan

Prévia operacional da empresa mostra aumento de 8,1% nas vendas no 4º trimestre de 2021, que atingiram o maior nível maior da história da empresa
 (Alberto Rocha/Folhapress)
(Alberto Rocha/Folhapress)
Por Beatriz QuesadaPublicado em 12/01/2022 16:18 | Última atualização em 12/01/2022 18:35Tempo de Leitura: 3 min de leitura

As ações de shoppings foram o grande destaque positivo do Ibovespa nesta quarta-feira, 12, com os papéis do Iguatemi (IGTI11) liderando os ganhos e subindo mais de 8%. Na sequência as ações da Multiplan (MULT3) avançaram mais de 6%, enquanto brMalls (BRML3) registraram alta superior a 5%.

Os papéis reagem à divulgação da prévia operacional da Multiplan, que surpreendeu positivamente analistas e investidores com resultados fortes nas vendas.

No fechamento:

  • Iguatemi (IGTI11): + 8,31%;
  • Multiplan (MULT3): + 6,55%;
  • brMalls (BRML3): + 5,93%.

A Multiplan informou mais cedo que as vendas em registradas em seus shoppings no quarto trimestre ultrapassaram pela primeira vez o nível verificado em 2019, antes da chegada da pandemia no País. O resultado foi impulsionado pelo forte crescimento de vendas no período do Natal.

A companhia afirmou que as vendas nos três últimos meses do ano passado somaram 5,6 bilhões de reais, alta de 8,1% sobre o faturado no mesmo período de 2019. As vendas do quarto trimestre foram as maiores já registradas em um único trimestre na história da Multiplan.

As vendas no segmento “mesmas lojas”, designação para pontos em operação há mais de 12 meses, subiram 10,3% em comparação com o último trimestre de 2019. Segundo a empresa, houve forte recuperação nos segmentos de alimentação e serviços e com o segmento de vestuário crescendo 19%.

A Multiplan afirmou ainda que a taxa de ocupação de seus shoppings subiu para 95,3% no quarto trimestre do ano passado, contra 95,2% no terceiro trimestre.

Para os analistas do Credit Suisse, o resultado foi forte e provavelmente deve ser mais positivo do que o de outros pares do setor. A avaliação é de que a empresa apresentou melhora em todas as métricas operacionais, com vendas e aluguéis superando os níveis de 2019.

“Se as vendas continuarem a crescer nesse ritmo acelerado, a Multiplan continuará apresentando números expressivos de aluguéis, o que deve sustentar um resultado mais forte”, afirmam os analistas em relatório. “Em uma base relativa, o portfólio de alta qualidade deve continuar a resultar em resultados mais fortes do que os pares”, completam.

O preço-alvo do Credit Suisse para os papéis da Multiplan é de 24 reais, o que representa um potencial de valorização (upside) de 41% considerando o preço de fechamento do último pregão.

*Com a Reuters