Future of Money
Acompanhe:

Warner Music terá parque temático e levará shows de famosos ao metaverso

Plataforma The Sandbox deve levar grandes nomes da empresa como Ed Sheeran, Bruno Mars e Dua Lipa para o metaverso pela primeira vez

Shows virtuais se tornaram uma tendência em 2021 (Mario Anzuoni/Reuters)

Shows virtuais se tornaram uma tendência em 2021 (Mario Anzuoni/Reuters)

C
Coindesk

27 de janeiro de 2022, 14h25

A Warner Music Group está entrando para o metaverso do The Sandbox com um parque temático focado inteiramente em música, segundo um anúncio da empresa nesta quinta-feira, 27.

A companhia é dona de uma série de propriedades musicais populares, incluindo gravadoras Atlantic, Warner Records, Elektra e Parlophone.

O parque temático virtual vai contar com “shows e experiências musicais” da lista de artistas da gravadora, que inclui Ed Sheeran, Bruno Mars, Dua Lipa e Cardi B, de acordo com comunicado da própria empresa.

Como parte do anúncio, o The Sandbox vai realizar uma venda de terrenos para propriedades virtuais adjacentes ao local do festival e os fãs poderão comprá-los em março. Essa pode ser considerada a mais recente incursão corporativa nas experiências imersivas que alguns chamam de futuro da internet.

“Estamos profundamente focados na Web 3.0 agora e no impacto que isso terá na música. É incrivelmente difícil colocar valor contra o fandom agora”, disse Oana Ruxandra, vice-presidente de desenvolvimento de negócios da Warner Music. Fandom é o nome utilizado para as bases de fãs de determinado artista. “A indústria da música teve grande destaque nos anos 80 e 90, e aí o Napster apareceu e houve um retrocesso. E a mesma coisa aconteceu quando o Spotify entrou. Queremos poder conduzir oportunidades sem ficar pra trás”.

A Warner Music não é o primeiro grande player da indústria musical que busca expandir seu público para mundos virtuais. O metaverso Decentraland também organizou um festival de música virtual que durou três dias em outubro, e artistas como Snoop Dogg experimentam eventos virtuais no The Sandbox desde setembro.

“Esse é o metaverso... uma pequena rave rolando agora no Decentraland para o lançamento dos NFTs de Lightbulbman, do Bjarne Melgaard. Música por Feedelity, Prins Thomas e Might be Twins”, publicou Alex Moss no Twitter.

Embora ninguém saiba ao certo o que implicará a entrada dessas empresas no metaverso, está claro que parcerias com jogos como The Sandbox e Decentraland são um ponto de partida seguro.

Texto traduzido por Mariana Maria Silva e republicado com autorização da Coindesk

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok