Veículo da Nasa pousa com sucesso em Marte, em missão para saber se já houve vida no planeta

Perseverance irá coletar amostras de solo e rochas do planeta vermelho, em uma cratera que pode ter sinais de vida no passado

Uma missão que começou em 30 de julho de 2020 teve mais um capítulo de sucesso nesta quinta-feira, 18. O rover Perseverance, da Nasa, pousou em Marte com sucesso às 17h56.

Agora, o Perseverance vai buscar por sinais de vida no planeta vermelho. O rover irá analisar a geologia e procurar pistas sobre como era o clima de Marte no passado, abrindo caminho para exploração humana. Ele também irá coletar rochas e sedimentos da região que pousou para que possam ser analisadas posteriormente na Terra, uma iniciativa inédita de estudos sobre o solo marciano.

Por enquanto, apenas 50% das tentativas de pousar em Marte tiveram sucesso. Os penhascos íngremes, dunas de areia e pedregulho presentes no solo marciano dificultam as missões. Apesar disso, o Perseverance conseguiu soltar seu paraquedas, desacelerar e amartissar — o termo usado para pousar no planeta — com sucesso.

A cratera de Jezero, onde o Perseverance pousou é uma bacia de Marte e cientistas acreditam que um antigo rio desaguou em um lago e depositou sedimentos lá. Eles consideram provável que o ambiente tenha preservado sinais de alguma vida que tenha habitado Marte bilhões de anos atrás.

O Perseverance carrega consigo também um pequeno drone, chamado Ingenuity, movido a energia solar, que será usado pela agência espacial para realizar pequenos voos pelo planeta.

O rover é a terceira missão espacial a chegar em Marte neste mês. Na terça-feira (9), o Emirados Árabes Unidos se tornou o primeiro país árabe a chegar ao planeta vermelho após uma viagem de cerca de sete meses da sonda Hope. A agência do país planeja orbitar Marte por dois anos, o que equivale a um ano marciano completo, estudando sua atmosfera.

O plano é manter Hope na órbita do planeta, enquanto a sonda chinesa, Tianwei-1, que chegou a Marte um dia após o pouso da árabe, deve continuar na órbita até maio deste ano, quando tentará pousar um rover próprio no planeta.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.