Rússia perde controle de seu único telescópio espacial

O telescópio não conseguiu reconhecer as instruções desde o centro de controle, mas segue enviando dados científicos à Terra

Moscou — A Rússia perdeu o controle sobre seu único telescópio espacial, o Spektr-R, devido a uma falha nos sistemas de comunicação, informou neste sábado o diretor do Centro Aeroespacial do Instituto Físico da Academia de Ciências, Nikolai Kardashev.

O telescópio não conseguiu reconhecer as instruções desde o centro de controle, mas segue enviando dados científicos à Terra, explicou a agência russa "Ria Novosti".

As autoridades russas estão tentando recuperar o controle do telescópio perdido na quinta-feira, segundo a Agência "Interfax".

"Há tentativas para solucionar o problema. Há vários sistemas de comunicação. Alguns operam e outros não. Este tipo de erro já ocorreu anteriormente. Tudo poderia funcionar de novo. Isso esperamos", afirmou Kardashev.

No entanto, várias tentativas para recuperar o controle do aparelho fracassaram até agora.

Uma fonte da indústria espacial disse à agência russa que o problema pode se dever a um erro no último sistema de comunicação de reserva do telescópio.

A mesma fonte explicou que há mais de um ano o veículo espacial opera com o único sistema de reserva que restava após uma falha do principal.

A vida útil do Spektr-R expirou em 2016, mas a Rússia prolongou seu uso até 31 de dezembro de 2019.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.