Vinho e chocolate: a combinação, além de saborosa, é boa para a saúde

O polifenol resveratrol é um composto vegetal que age como um poderoso antioxidante. Vinhos tintos e chocolates 70% são duas fontes conhecidas

Engana-se quem ainda pensa que cuidar da saúde e da beleza significa sofrimento. Cientistas constataram que a combinação entre vinho e chocolate pode colaborar para o processo de renovação e rejuvenescimento celular. Devido a um poderoso antioxidante, o resveratrol, composto de plantas muito badalado encontrado no vinho tinto e também no chocolate amargo.

Seu dinheiro está seguro? Aprenda a proteger seu patrimônio

O polifenol resveratrol é um composto vegetal que age como um poderoso antioxidante. As principais fontes de alimentos incluem vinho tinto, uvas, algumas frutas, amendoins e também no chocolate 70%. Este composto tende a se concentrar principalmente nas peles e sementes de uvas. Essas partes da uva estão incluídas na fermentação do vinho tinto, daí sua alta concentração de resveratrol.

Publicado no científico BMC Cell Biology, o estudo confirmou que o resveratrol pode ajudar no processo de renovação celular.

Segundo os cientistas da Universidade de Exeter e da Universidade de Brighton, ambas no Reino Unido, este pode ser um grande avanço nas investigações sobre envelhecimento e rejuvenescimento de células senescentes – células que atingiram o seu limite de divisão, mas permanecem inativas, sem a morte celular natural. Uma das possíveis explicações para o facto de as pessoas mais velhas serem mais suscetíveis a doenças é a acumulação dessas células senescentes, que não funcionam mais como deveriam.

Numa pesquisa anterior, os cientistas identificaram uma classe de genes, chamados de “fatores de empalme”, que garantem o funcionamento das células, mas estes se desligam natural e progressivamente à medida que envelhecemos. As células senescentes, por exemplo, possuem menos “fatores de empalme” do que as outras.

 

No entanto, o novo estudo mostrou que o resveratrol pode inibir esse efeito. Segundo os investigadores, depois de algumas horas de observação, as células mais antigas começaram a dividir-se e a alongar os telômeros – estruturas que protegem o cromossoma, mas que se esgotam com o tempo -, num claro sinal de rejuvenescimento.

“Quando vi algumas das células rejuvenescerem, não consegui acreditar. Essas células inativas pareciam células jovens. Era como magia”, afirmou Eva Latorre, uma das cientistas do estudo, ao jornal britânico The Independent. “Repeti a experiência várias vezes e em todos os casos as células rejuvenesceram.”.

Os investigadores esperam que esta descoberta estimule outras pesquisas no campo, como o desenvolvimento de terapias para que as pessoas tenham uma qualidade de vida melhor conforme envelhecem – sem problemas neurodegenerativos, por exemplo.

“Este é um primeiro passo na tentativa de fazer as pessoas viverem uma vida normal e com saúde”, disse Lorna Harries, professora de genética molecular da Universidade de Exeter. “Os nossos dados sugerem que a utilização dessas substâncias pode fornecer um meio para restaurar as funções das células antigas.”

Em 2019 foi lançado no Brasil o chocolate funcional da Aguimar Ferreira Chocolateira.

O produto é feito com matéria prima importada, o apreciado chocolate belga, da maior indústria de chocolates do mundo, a Barry Callebaut, e potencializado com castanhas nobres e frutas especiais com alto teor de antioxidantes e traz um conceito gourmet para essa iguaria. Segundo Alexandre que é o dono da chocolateria, o grande foco da empresa foi produzir algo de excelência que reunisse saúde e sabor em um só produto. Os chocolates já estão sendo vendidos em diversas lojas de produtos naturais, suplementos, supermercados e atacadistas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.