Tok&Stok e Pinterest apresentam as tendências em decoração para 2022

Entre as previsões apontadas pelo Pinterest no relatório estão o design curvo para móveis e acessórios, a presença da natureza em casa, ambientes dedicados aos pets, além de espaços para cuidar das emoções e explorar diferentes hobbies
 (Pinterest/Divulgação)
(Pinterest/Divulgação)
J
Julia Storch

Publicado em 16/02/2022 às 12:26.

Última atualização em 16/02/2022 às 14:54.

Escritório, academia, restaurantes e escolas, há dois anos estes ambientes se adaptavam em quartos e salas dos lares. Procurando por soluções rápidas, a decoração nem sempre ficou em primeiro plano. Porém, ao longo desses meses, melhorias vêm sendo feitas com escolhas de móveis e objetos. Com referência (e interferência) das redes sociais, para 2022, a Tok&Stok e o Pinterest, delinearam as maiores tendências de móveis e objetos para casa.

Tenha acesso agora a todo material gratuito da EXAME para investimentos, educação e desenvolvimento pessoal.

Em entrevista à Casual Exame, Edson Coutinho, gerente de Design e Tendências da Tok&Stok destrinchou o significado das tendências e Fernanda Cerávolo, diretora de conteúdo e criadores do Pinterest trouxe dados do relatório Pinterest Predicts.

Entre as previsões apontadas pelo Pinterest no relatório, estão o design redondo ou curvo para móveis e acessórios, a presença da natureza em casa, ambientes dedicados aos pets, além de espaços para cuidar das emoções e explorar diferentes hobbies como música, leitura ou selfcare, itens que remetem ao luxo, visados pela Geração Z.

“Cada uma dessas tendências tem um pouco dessa transformação acelerada, que não é uma transformação exclusiva da pandemia, mas que acelerou a transformação dessa relação que a gente tem na sua própria casa”, comenta Coutinho.

Dentre os destaques estão os espaços para a emoção, ou seja, espaços e objetos que além da parte funcional, precisam suprir trazer um significado para o lar e seus moradores. "A gente tem muitas memórias afetivas em relação à nossa casa, e a cada dia construímos novos sentimentos e entendemos o que representam para nós. Um jeito de trazer isso para decoração pode ser utilizando estampas ou produtos que contenham histórias. O artesanato é uma forma muito forte de você trazer essas histórias para dentro da casa", aponta Coutinho.

A busca por hobbies manuais, como cerâmica, tricô e bordado, por exemplo, cresceram ao longo dos anos, e agora fazem parte da decoração, trazendo mais aconchego ao lar.

Outra tendência que apresenta conforto à casa são móveis e objetos arredondados e curvos, que remetem o movimento art déco. As curvas dão personalidade àqueles cantos da casa que precisam de um "up" e deixam o seu décor mais aconchegante e personalizado. Essa tendência vai se espalhar por todos os cômodos, chegando às paredes, às salas e bares ou até onde mais o coração mandar.

Segundo Coutinho, o estilo art déco já estava crescendo entre os designers até aparecer como estilo para casa. “As pessoas começaram a pintar arcos nas paredes e comprar elementos decorativos mais curvos e elegantes”, comenta.

O boom deste estilo também se deve às redes sociais. No Pinterest, mais de 14 milhões de ideias são salvas todos os dias no Brasil. “Essas imagens chegam até a gente pelas mídias sociais, mesmo que você não esteja em uma missão para mudar sua casa, você começa a sentir mais necessidade desse conforto”, diz Coutinho.

Dentre as tendências detectadas pela rede social no Brasil, um dos segmentos de decoração que vai crescer em 2022 é a arquitetura para pets. Segundo Cerávolo, buscas como "Casa gatificada" e "Design de casa para gatos", cresceram quatro vezes, "Quarto de luxo para gatos", cresceu três vezes e "Quarto de luxo para cachorros" aumentou em 115%.

"Quando o assunto é decoração, o Brasil é um dos países que vai liderar a arquitetura para pets em 2022", apresenta Fernanda Cerávolo. (Pinterest/Divulgação)

Há tempos vistos como membros das famílias, os pets ganharam espaços dentro das casas. Com isso, objetos como camas, comedouros e brinquedos ganharam roupagens que ornam com os ambientes. “Desenvolvemos uma coleção dentro das mesmas tendências de decoração que a gente tinha para a casa inteira, com os mesmos acabamentos, materiais e cores, e desenvolvemos comedores de pedra sabão e comedores de acrílico transparente, por exemplo”, apresenta Coutinho.

O Brasil é pioneiro na decoração para pets e dentre as gerações que mais buscam sobre objetos para os animais de estimação estão os boomers.

Segundo Cerávolo, a geração millenial irá impulsionar a tendência do "Luxo sem limite" dando um toque de elegância em cada cantinho da casa, com aumento das buscas como “ideias lavanderia de luxo”, com crescimento de 11 vezes nas buscas.

Já para Coutinho, o décor de luxo faz parte do imaginário da Geração Z. “Nas nossas pesquisas, os jovens disseram gostar dos ambientes mais luxuosos, e a gente não esperava isso. Esperávamos o contrário. Tudo o que denotava dinheiro e luxo, como os acabamentos dourados e os mármores pretos eram considerados como aspiracionais para esta geração”, diz Coutinho. Muitas dessas referências são trazidas pelo desejo das gerações mais novas em obter riqueza e ostentar nas redes sociais.