Presidente da Espanha autoriza final da Libertadores em Madri

Após ataque a ônibus do Boca Juniors que provocou o adiamento da partida, Conmebol decidiu realizar duelo fora da Argentina

Madri – O presidente do governo da Espanha, Pedro Sánchez, deu sinal verde para que o país receba o segundo jogo da final da Taça Libertadores, entre River Plate e Boca Juniors.

Fontes do Palácio de la Moncloa informaram que Sánchez confirmou a disposição de sediar a partida depois da Conmebol comunicar oficialmente ao país que deseja que o jogo seja realizado no Estádio Santiago Bernabéu, casa do Real Madrid, na capital espanhola.

Sánchez está na Argentina para participar da cúpula do G20, mas já orientou que sejam tomadas as medidas necessárias para elaborar o esquema de segurança necessário para a decisão da Libertadores.

A proposta da Conmebol foi formalizada durante uma reunião realizada na tarde desta quinta-feira na sede da Delegação do Governo de Madri. Estiveram no encontro representantes do Real, da polícia, dirigentes da Fifa e da entidade sul-americana. Ainda não há data para a partida, suspensa após graves incidentes de violência em Buenos Aires. Fontes de Madri afirmam que o jogo deve ocorrer dia 8 ou 9 de dezembro.

Após ataque a ônibus que levava os jogadores do Boca Juniors ao Estádio Monumental de Núñez, incidente que provocou o adiamento da partida, a Conmebol decidiu realizar o duelo em um campo neutro, fora da Argentina.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.