Pistorius pode ser acusado de homicídio doloso, diz defesa

A declaração foi pelo advogado Barry Roux diante do tribunal
O atleta Oscar Pistorius comparece ao Tribunal da Magistratura de Pretória em 22 de fevereiro de 2013 (REUTERS / Mike Hutchings)
O atleta Oscar Pistorius comparece ao Tribunal da Magistratura de Pretória em 22 de fevereiro de 2013 (REUTERS / Mike Hutchings)
D
Da RedaçãoPublicado em 22/02/2013 às 12:56.

Pretória - A defesa de Oscar Pistorius admitiu nesta sexta-feira que o campeão paralímpico sul-africano pode ser acusado de homicídio doloso pela morte da namorada.

"Ele está exposto a ser condenado por homicídio doloso", declarou o advogado Barry Roux diante do tribunal, que nesta sexta-feira decidirá sobre a libertação sob fiança do atleta ou se Pistorius permanecerá detido.

O juiz sul-africano Desmond Nair deve anunciar sua decisão às 12H30 GMT (9H30 de Brasília).

Pistorius, 26 anos, alega que matou a namorada Reeva Steenkamp, uma modelo de 29 anos, por engano, levado pelo pânico ao confundi-la com um ladrão.