Casual
Acompanhe:

Marilyn Monroe e Lady Diana protagonizam leilão nos EUA

Julien's Auctions vendeu fotografias inéditas de Marilyn Monroe, alcançando um total de US$ 400 mil

O diploma de bacharelado da atriz foi vendido por US$ 32,5 mil (Juliens Auctions)

O diploma de bacharelado da atriz foi vendido por US$ 32,5 mil (Juliens Auctions)

D
Da Redação

2 de abril de 2012, 18h57

Los Angeles - Diversos objetos de colecionadores relacionados a Marilyn Monroe e à princesa Diana protagonizaram o leilão Hollywood Legends, realizado em Los Angeles no último fim de semana, informou a casa Julien's Auctions nesta segunda-feira.

A conhecida instituição de Beverly Hills vendeu fotografias inéditas de Marilyn Monroe que alcançaram um total de US$ 400 mil, enquanto calças usadas pela atriz em 'O Rio das Almas Perdidas' chegaram a US$ 44,8 mil.

Já o diploma de bacharelado da atriz foi vendido por US$ 32,5 mil. Em outro leilão realizado pela casa em dezembro, uma série de 300 imagens de Monroe no início de sua carreira alcançou US$ 350 mil.

A peça mais cara do último leilão foi um vestido do estilista Catherine Walker usado pela princesa Diana, vendido por US$ 108 mil. Whitney Houston também despertou também interesse dos participantes, e 13 artigos associados à falecida diva tiveram um valor superior a US$ 80 mil.

No total, a casa conseguiu arrecadar quase US$ 3 milhões. Uma toga usada por Charlton Heston em 'Os Dez Mandamentos' (1956) foi vendida por US$ 64,8 mil, um bastão de bambu relacionado a Charlie Chaplin alcançou US$ 40.625 e um traje do 'Super-Homem' utilizado por Christopher Reeve em 'Superman IV: Em busca da Paz', US$ 35 mil.