Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:

Bentley chega aos híbridos com SUV Bentayga

Híbrido Bentley Bentayga 2019 vem com fonte de alimentação plug-in feita de materiais sustentáveis e projetada pelo designer francês Philippe Starck

Modo escuro

Continua após a publicidade
Bentley Bentayga híbrido conta com duas fontes de energia, um motor de combustão V6 de 3 litros e um motor elétrico (Bentley/Divulgação)

Bentley Bentayga híbrido conta com duas fontes de energia, um motor de combustão V6 de 3 litros e um motor elétrico (Bentley/Divulgação)

H
Hannah Elliott, da Bloomberg

Publicado em 6 de março de 2018 às, 18h01.

Na segunda-feira, em uma festa particular antes do Salão do Automóvel de Genebra, a Bentley Motors revelou o Bentley Bentayga Hybrid. É o primeiro veículo da família de carros da Bentley a contar com propulsão híbrida.

Conforme o esperado, a empresa com sede em Crewe, Inglaterra, deu um toque de prestígio ao seu novo SUV plug-in: o híbrido Bentley Bentayga 2019 vem com fonte de alimentação plug-in feita de materiais sustentáveis e projetada pelo designer francês Philippe Starck, cliente frequente da Bentley. Conta com duas fontes de energia, um motor de combustão V6 de 3 litros e um motor elétrico.

O carro acompanha a versão V8 do SUV de US$ 230.000 que a Bentley anunciou neste ano e que a empresa também exibirá em Genebra. Mas apesar da probabilidade de o V8 vender mais unidades no ano que vem, o híbrido receberá os aplausos.

“O principal do salão de Genebra é o posicionamento e o burburinho”, disse Michael Harley, editor-gerente da Kelley Blue Book. “É lógico que marcas como a Bentley tragam os carros que mais desejam promover.”

Em relação à Bentley, o novo CEO, Adrian Hallmark, diz que este SUV híbrido é importante porque sinaliza a direção da empresa nos próximos anos: “Este é o nosso primeiro passo rumo à eletrificação.”

Após o escândalo do diesel, propulsão híbrida

O novo lançamento da Bentley surge logo após o escândalo na empresa controladora Volkswagen relacionado à falsificação de testes de emissões do diesel, mas o grupo quase duplicou os lucros totais no ano passado em relação a 2016. A companhia produziu o primeiro Bentayga em 2015 e desde então fabricou mais 10.000 unidades do modelo.

O novo híbrido da Bentayga mostra que a Bentley está trabalhando para cumprir as regulações de emissões e para acompanhar o ritmo do setor (Bayerische Motoren Werke e Audi, por exemplo, também fabricam SUVs híbridos plug-in de luxo), independentemente de quantos consumidores realmente exigem um SUV híbrido que custa cerca de US$ 250.000. (A Bentley não quis comentar).

Independentemente das vendas reais, o híbrido ajuda a introduzir uma mentalidade ecologicamente consciente na marca de 99 anos. O motor de combustão V6 e o motor elétrico são combinados com tração nas quatro rodas e múltiplos modos de direção. O carro faz cerca de 50 quilômetros apenas com energia elétrica, autonomia muito menor que a de mais de 560 quilômetros do Tesla Model X, embora desfrute de frenagem regenerativa, como muitos híbridos. A recarga completa leva mais de sete horas com um carregador comum, ou 2,5 horas com um carregador industrial especial. A Bentley ainda não revelou os números de velocidade máxima e de aceleração de 0 a 100 km/h, mas as versões padrões atingem a marca em cerca de quatro segundos.

Luxuoso como o original

O interior segue a mesma linha dos outros Bentayga, com inúmeros opcionais de luxo: assentos profundos com estofado com detalhes em forma de diamante, pedais esportivos com acabamento em alumínio perfurado e resfriador de console central entre eles. Uma especificação “Black” de US$ 10.000 adiciona elementos de fibra de carbono em todo o carro, juntamente com um separador de para-choque dianteiro, painéis laterais, difusor no para-choque traseiro e um proeminente spoiler traseiro.

O híbrido da Bentley também virá com algumas capacidades tecnológicas decididamente superiores, como ignição e monitoramento da bateria remotos, aquecimento e resfriamento remotos e um monitor de status do veículo que mostra sua condição por meio de um aplicativo móvel. Há também à disposição uma tela de controle de alta definição, de oito polegadas, e telas de entretenimento no assento traseiro, de 10,2 polegadas. A ideia é que o híbrido não pareça diferente do Bentayga normal, que é suave, poderoso e ao mesmo tempo grande e luxuoso. Nisso, a Bentley teve êxito.

O preço não foi anunciado. As entregas começam no outono (Hemisfério Norte).

Últimas Notícias

Ver mais
Arte e moda: Shoulder apresenta coleção assinada pela artista plástica Jade Marangolo

Casual

Arte e moda: Shoulder apresenta coleção assinada pela artista plástica Jade Marangolo

Há 19 horas

Qual o carro mais tecnológico do Brasil, segundo ranking EXAME Casual

Casual

Qual o carro mais tecnológico do Brasil, segundo ranking EXAME Casual

Há um dia

Os 5 melhores filmes e séries para maratonar no fim de semana

Casual

Os 5 melhores filmes e séries para maratonar no fim de semana

Há um dia

Os 10 carros mais caros do mundo em 2023

Casual

Os 10 carros mais caros do mundo em 2023

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Com copos de plástico reciclado coletado no litoral brasileiro, Corona estreia no Primavera Sound

Com copos de plástico reciclado coletado no litoral brasileiro, Corona estreia no Primavera Sound

Com itens personalizados, Tramontina usa expertise para aproveitar alta dos presentes de fim de ano

Com itens personalizados, Tramontina usa expertise para aproveitar alta dos presentes de fim de ano

Suvinil investe para criar embalagens e produtos mais sustentáveis

Suvinil investe para criar embalagens e produtos mais sustentáveis

Inovação em nuvem e IA: a aposta da Huawei Cloud para o Brasil

Inovação em nuvem e IA: a aposta da Huawei Cloud para o Brasil

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais