Carreira
Acompanhe:

Após retomada, setor de eventos volta a contratar mas sofre com a escassez de talentos

Segundo dados do Casar.com, plataforma de eventos online, a defasagem de trabalhadores chega a 40% nas mais diversas atividades da área de eventos

Festa de casamento: retomada dos eventos pós-pandemia movimentou cerca de R$33,1 bilhões em 2022 (Caiaimage/Tom Merton/Getty Images)

Festa de casamento: retomada dos eventos pós-pandemia movimentou cerca de R$33,1 bilhões em 2022 (Caiaimage/Tom Merton/Getty Images)

L
Luciana Lima

14 de janeiro de 2023, 15h09

A retomada do mercado de eventos, como as festas de casamento, após a pandemia promoveu uma movimentação estimada em R$33,1 bilhões em 2022 — e a tendência é continuar em crescimento no próximo ano.

LEIA TAMBÉM:

Para acompanhar a expansão, os profissionais do segmento voltaram a contratar. Prova disso é que cerca de 60% dos assessores de eventos pretendem aumentar suas equipes.

Pelo menos é isso que aponta o Relatório de Tendências de 2023 da Casar.com, plataforma para organização de eventos, em parceria com a plataforma Assessoria VIP.

As razões para o aumento de vagas são óbvias: em 2022 o mercado de casamentos teve uma grande ampliação graças à retomada dos eventos depois do período de isolamento social.

Com isso, a busca pelo serviço de assessoria de eventos teve um volume considerável, visto que, neste ano, 81% dos casais contrataram este serviço para auxiliá-los, seja durante todo o processo do planejamento da celebração, ou apenas parcialmente, como para a data do evento.

Depois das demissões durante o período mais crítico da Covid-19, o cenário é de equipes enxutas. Segundo o levantamento do Casar.com, pouco mais de 40% dos assessores têm suas equipes compostas por apenas 2 a 3 pessoas fixas mesmo tendo de realizar entre 3 a 4 eventos por mês.

Como diversos profissionais deixaram de trabalhar no ramo quando a pandemia pausou os eventos, o grande desafio tem sido encontrar mão de obra qualificada. De acordo com dados do Casar.com, a defasagem de trabalhadores chega a 40% nas mais diversas atividades.

Portanto, para quem pensa em se realocar no mercado de trabalho, se profissionalizar na área é uma ótima opção.

“Quando se pensa em casamentos muitos podem achar que não tem muito segredo, mas para todos que tiveram êxito na área, profissionalização e experiência andam juntos”, diz Camila Piccini, co-fundadora do Casar.com.

Em 2022, cerca de 60% dos assessores fizeram cursos nas áreas de marketing, treinamento de equipes, mídias sociais, assessoria e cerimonial, gestão financeira, entre outros. Para 2023, 86% pensam em continuar se profissionalizando.

Aos interessados em seguir no mercado, as assessorias de eventos estão em busca dos mais diversos profissionais. De acordo com os dados do levantamento do Casar.com com a Assessoria VIP, as áreas de processos de eventos (60%), marketing (40%), administrativo e atendimento ao cliente (30%) serão as mais demandadas pelas empresas especializadas.

Inscreva-se e receba por e-mail dicas e conteúdos gratuitos sobre carreira, vagas, cursos, bolsas de estudos e mercado de trabalho.