Vacina contra Covid-19: façam suas apostas

Coluna diária de Alon Feuerwerker analisa a corrida pelo imunizante contra o coronavírus

A média móvel das mortes por Covid-19 entre nós está consistentemente declinante. Idem os casos. Se as previsões dos especialistas lá no início da pandemia continuam valendo, devemos ter atingido algum grau de imunidade coletiva combinada com o que ainda resta de distanciamento social.

Máscaras parecem funcionar sim.

Quais são as dúvidas que persistem? Uma é se haverá novas ondas. Mas a principal delas é sobre a vacina. Nesse tema, juntam-se a difusão cada vez mais agressiva de teorias e militâncias do movimento antivacina e o natural cuidado que a ciência deve adotar em terrenos ainda desconhecidos ou pouco conhecidos.

Quando haverá vacina disponível em massa e quanto ela funcionará? A rigor, ninguém tem certeza.

E o quadro fica mais complexo quando a necessária colaboração planetária no assunto anda dificultada pelo acirramento das fraturas e disputas geopolíticas. Quem propiciar antes dos demais em massa um imunizante que funcione vai ganhar um soft power e tanto.

Façam suas apostas.

* Analista político da FSB Comunicação

 Siga a Bússola nas redes sociais

Twitter  |    Facebook    |    Youtube

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.