Um conteúdo Bússola

14 mil universitários estão em lista de espera para app de relacionamento

Criado para aproximar pessoas que se identificam e vivem a mesma fase da vida, Umatch tem mais de 60 mil usuários no estado de São Paulo
 (Umatch/Divulgação)
(Umatch/Divulgação)
B
BússolaPublicado em 01/03/2022 às 16:38.

A startup Umatch, criadora do aplicativo de relacionamento exclusivo para universitários, acaba de anunciar expansão para território nacional. Além dos 60 mil usuários no estado de São Paulo, outros 14 mil estão na lista de espera aguardando a chegada do aplicativo a novas regiões. O uso do aplicativo será liberado até o dia 16 de março, porém regiões que atingirem número mínimo de pré-cadastrados antes desse prazo conseguirão acesso antecipado ao Umatch.

Entre os mais de 14 mil estudantes na lista de espera para outras regiões, lideram a lista quatro mil universitários de Minas Gerais, 3100 do Paraná e 1500 do Rio de Janeiro. Em São Paulo, estado onde a Umatch foi criada, por alunos da USP, o aplicativo gerou mais de 1,3 milhão de matches e atraiu mais de 60 mil usuários de 420 faculdades.

O aplicativo tem espaço para crescer, de acordo com os últimos dados divulgados pelo Censo da Educação Superior, disponibilizados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em 2019, o país tem mais de 8,6 milhões de matrículas.

“A abertura ao Brasil é a nossa resposta aos milhares de universitários que pediram pela Umatch ao redor do país, e convidamos cada um a participar da construção desta rede conosco, a rede dos universitários”, afirma Bruno Adami, CEO e cofundador da Umatch.

A startup recebeu em setembro do ano passado uma rodada de investimento liderada pelo fundo Harvard Angels, formado por ex-alunos de Harvard, onde foi criado o Facebook.

O principal diferencial da Umatch é criar uma comunidade de pessoas que se identificam e vivem a mesma fase da vida. Para Bruno, em um mundo hiperconectado, o desafio já não é conectar pessoas, mas sim aproximar pessoas que tenham os mesmos interesses. “Enquanto universitários, sentíamos falta de um aplicativo de relacionamento exclusivo e, conversando com outras pessoas, percebemos que essa dor não era só nossa”, diz.

O aplicativo permite que estudantes encontrem outros perfis por meio do Filtro Universitário, no qual é possível encontrar perfis por universidade, campus e curso. Para incentivar os usuários a interagirem, o aplicativo também conta com objetivos diários que liberam benefícios, que vão desde retomar conversas e curtir pessoas da mesma faculdade, a iniciar uma conversa e dar match com alguém de outra faculdade.

Os usuários que cumprem os desafios ganham Ucoins, moedas que podem ser trocadas por benefícios como ver quem os curtiu sem antes ter que curtir a pessoa, ter prioridade na fila do crush e outros benefícios.

Como se cadastrar?

Como forma de garantir que os usuários são realmente universitários, para se cadastrar na Umatch é necessário ter um convite, cedido por um grupo universitário ou amigo que já esteja no aplicativo. Após o cadastro, o perfil passa ainda por uma verificação, que exige o envio de documentos que comprovem o vínculo com a universidade, como boletos, carteira estudantil, comprovante de matrícula ou e-mail universitário.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedinTwitter | Facebook | Youtube