São Paulo registra temperatura mais baixa do ano

Dois bairros da zona sul de São Paulo bateram o recorde do ano: 5,1ºC em Parelheiros e 5,6º C na Capela do Socorro

São Paulo - Entre a madrugada e a manhã desta terça-feira, 03, a capital e o Estado registraram as temperaturas mais baixas do ano, de acordo com Centro de Gerenciamento de Emergência (CGE) da Prefeitura e o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Dois bairros da zona sul de São Paulo bateram o recorde do ano: 5,1ºC em Parelheiros e 5,6º C na Capela do Socorro, de acordo com o CGE. Até então, a temperatura mais gelada do ano foi a do dia 30 de maio, também na Capela do Socorro, quando o órgão registrou 7,2 ºC.

"É uma região que está próxima da serra e tem muito mato. O ar frio se deposita no pé da montanha porque é mais pesado e, consequentemente fica mais frio. Essas regiões, portanto, tendem a ser mais frias", afirmou o técnico em meteorologia do CGE Adilson Nazário.

A média na cidade ficou em 8,4ºC, abaixo da que foi constatada pelo CGE na última sexta-feira (11ºC). De acordo com o CGE, o tempo deve permanecer frio e seco em São Paulo ao longo do dia: a máxima será de 18ºC.

No final da tarde a temperatura deve cair novamente. Nesta quarta-feira, 04, são esperadas temperaturas entre 10ºC e 21ºC.

A cidade de Barra do Turvo, na região do Vale do Ribeira, foi que a registrou a temperatura mais baixa do Estado, segundo o Inmet, com 1,9ºC. O recorde deste ano até então era de 3,4ºC, em Campos do Jordão, no última dia 29 de abril.

O Inmet afirma ainda que na próxima madrugada pode gear em algumas cidades do Vale do Ribeira, como Apiaí e municípios localizados na Serra da Mantiqueira.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.