Não há irregularidades em gastos de viagens, sustenta STJ

Ontem, o Conselho Nacional de Justiça abriu investigação administrativa para apurar suspeitas de gastos irregulares de ministros do STJ com viagens ao exterior

Brasília - O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Felix Fischer, afirmou hoje (3) que o tribunal não pagou diárias para mulheres de ministros em viagens oficiais para representar aquela corte no exterior. Segundo o presidente, não há irregularidades nas viagens.

Ontem (3), o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) abriu uma investigação administrativa para apurar suspeitas de gastos irregulares de ministros do STJ com viagens ao exterior.

De acordo com denúncias apresentadas ao conselho, o tribunal pagou passagens em primeira classe e diárias para alguns integrantes da corte e suas mulheres em viagens oficiais ao exterior.

Em nota, o presidente do STJ esclareceu que, desde 2012, houve 14 missões oficiais ao exterior. Em três delas, ministros viajaram com suas esposas em razão da existência de eventos em que a presença do cônjuge era recomendada. De acordo com Fischer, não houve pagamento de diárias a esposas de ministros.

“O Superior Tribunal de Justiça está sempre aberto a prestar esclarecimentos à sociedade e aos órgãos de controle, valendo ressaltar que todas as viagens são analisadas por seu órgão de controle interno e submetidas à apreciação do Tribunal de Contas da União e que as contas do STJ até 2012 já foram aprovadas" pelo TCU, de acordo com o presidente.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.