Brasil

Inmet alerta para baixa umidade no Centro-Oeste e Sudeste; chuvas intensas atingem região Norte

Fenômeno é causado por massa de ar seco que segue atravessando a região central do país

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 28 de junho de 2024 às 06h45.

A região central do Brasil está sofrendo com baixa umidade há pelo menos duas semanas e a situação não deverá ser atenuada nos próximos dias. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de perigo potencial para 13 estados, com destaque para Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás e Tocantins.

De acordo com Andrea Ramos, meteorologista do Inmet, esse fenômeno é causado por uma massa de ar seco que segue avançando por boa parte do país. Essa massa, por sua vez, ocorre por conta de um anticiclone em altos níveis, o que leva a um bloqueio atmosférico.

A baixa umidade contribui para a intensificação dos incêndios que estão ocorrendo no Pantanal — especialmente no Mato Grosso do Sul. Em relação às causas das queimadas,especialistas apontam que mudanças climáticas e o El Niño contribuíram para os seis meses de 2024 serem recordes de incêndios na história do bioma.

Por outro lado, a ministra do Meio Ambiente e Mudança Climática, Marina Silva, afirmou que 85% dos incêndios ocorrem em propriedades privadas e são causados por ação humana. Uma nota técnica emitida pelo Laboratório de Aplicações de Satélites Ambientais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Lasa/UFRJ) explicou a declaração da ministra. De acordo com os pesquisadores, apesar do clima desfavorável, os incêndios só existem porque pessoas insistem em queimar o bioma.

Segundo Ramos, apesar da baixa umidade persistente, há a possibilidade de chuvas chegarem ao sul do Mato Grosso do Sul a partir de sábado. Ela também enxerga uma boa probabilidade de precipitação para São Paulo já neste fim de semana.

Para amanhã, em Cuiabá, a previsão é de máxima de 33°C e mínima de 19°C. Em Corumbá, um dos municípios mais afetados pelos incêndios, a máxima é de 33°C e mínima de 13°C. Para São Paulo, a máxima é de 30°C e mínima de 14°C.

Em Belo Horizonte, termômetros registram máxima de 29°C e mínima de 15°C. No Rio de Janeiro, a máxima chega a 33°C e a mínima é de 20°C.

Chuvas no Norte

O Inmet também emitiu alerta de perigo potencial de chuvas intensas no noroeste do Amazonas e norte de Roraima. Outros estados da região Norte também devem registrar precipitações nesta sexta-feira.

Ramos explica que estas pancadas de chuva acontecem porque esta região está na periferia do anticiclone mencionado anteriormente. Além disso, o calor e a umidade destes locais também favorecem as precipitações.

Em Manaus, a máxima é de 34°C e mínima de 26°C. Para Boa Vista, a máxima é de 33°C e mínima de 24°C.

 

Acompanhe tudo sobre:ClimaSudesteRegião NorteRegião NordesteSulCentro-Oeste

Mais de Brasil

Aos 78 anos, morre o ex-governador do Acre Romildo Magalhães

Morre o jornalista Sérgio Cabral, pai, aos 87 anos

Dunga, ex-técnico da Seleção Brasileira, e sua esposa sofrem acidente de carro no Paraná

PF apreende 12 milhões de maços de cigarros em São Paulo em maior operação na história

Mais na Exame