Brasil

UPA: o que você precisa saber para ser atendido

Veja quais documentos levar e como ser atendimento em uma UPA

 (Divulgação/Getty Images)

(Divulgação/Getty Images)

Thais Tenher
Thais Tenher

Jornalista freelancer

Publicado em 24 de junho de 2024 às 15h33.

A UPA é uma das unidades de atendimento do Sistema Único de Saúde, o SUS. Quem usa o serviço, procura pelo lugar principalmente em casos de urgência e emergência. Mas afinal, o que é necessário para ser atendido na UPA? 

Neste artigo, você verá em quais casos faz-se necessário ir até a UPA e quais documentos é preciso levar para o atendimento acontecer. 

O que precisa levar para ser atendido na UPA?

Para ter um atendimento na UPA, o cidadão precisa do cartão do SUS e um documento de identificação com foto. Ambos os documentos podem ser apresentados pelo celular, nas suas versões digitais. 

Caso você esteja em uma situação de emergência de atendimento e não tiver todos os documentos em mãos, ele acontecerá da mesma forma, porém, em algum momento será necessário apresentá-los para dar sequência seja para alta do paciente, solicitação de exames, transferências e demais tratamentos. 

Em quais casos posso ir na UPA? 

É preciso ter em mente que a UPA atende casos em que o paciente precisa de uma avaliação médica, muitas vezes com urgência, para entender o que está acontecendo. De acordo com o Ministério da Saúde, alguns sintomas podem indicar que você deve procurar um atendimento na UPA mais próxima de você. São eles: 

  • Febre alta, acima de 39ºC;
  • Fraturas e cortes com pouco sangramento;
  • Infarto e derrame;
  • Queda com torção e dor intensa ou suspeita de fratura;
  • Cólicas renais;
  • Falta de ar intensa;
  • Crises Convulsivas;
  • Dores fortes no peito;
  • Vômito constante.

Como funciona o atendimento na UPA?

A UPA funciona 24h por dia, 7 dias por semana. Seu atendimento é destinado, principalmente, para urgências e emergências, e o objetivo dentro do sistema de saúde é desafogar as filas de hospitais. Não há agendamento, apenas comparecer à unidade mais próxima de você com os documentos necessários. 

As UPAs têm uma equipe multidisciplinar, e conseguem atender boa parte dos casos. De acordo com o risco, o paciente pode ficar em observação durante 24 horas ou será encaminhado, em casos mais complexos, para um hospital de referência. 

Então, na UPA, em um atendimento de emergência ou urgência, é possível realizar exames como raio-x, eletrocardiograma, exames laboratoriais, ficar em leitos de observação e demais serviços. 

Quem não tem cartão do SUS pode ser atendido na UPA?

É imprescindível o cartão do SUS para ser atendido em qualquer serviço público de saúde. No entanto, em caso de emergência, a pessoa será atendida e depois será efetuado o cartão do SUS para continuidade do atendimento e registro no sistema da UPA.

O Cartão Nacional de Saúde (CNS) foi criado para unificar todos os serviços de saúde e as informações do paciente em um só lugar. Portanto, é uma ferramenta importante tanto para o cadastro, quanto para a consulta de alergias e demais informações durante o atendimento. 

Para quem não tem o cartão SUS, é possível emitir um nos portais do Conecte SUS, utilizando o login e senha do gov.br. 

Acompanhe tudo sobre:Hospitais públicos

Mais de Brasil

Força Nacional faz operação em 21 terras indígenas

'Abin Paralela': PF cumpre mandados contra suspeitos de ameaçar Estado Democrático de Direito

Massa de ar polar causa geadas e onda de frio no Sul; chuvas fracas em SP e RJ; veja previsão

Desigualdade no Brasil deve ser combatida com responsabilidade fiscal, aponta Armínio Fraga

Mais na Exame