Brasil

ES: Casagrande e Manato vão disputar segundo turno das eleições 2022

O Espírito Santo tem mais de 3,8 milhões de habitantes e cerca de 2,9 milhões de eleitores

Espírito Santo: Casagrande é o atual governador e Manato é deputado federal (Arquivo/Camara dos Deputados/PSB/Divulgação)

Espírito Santo: Casagrande é o atual governador e Manato é deputado federal (Arquivo/Camara dos Deputados/PSB/Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 2 de outubro de 2022 às 19h45.

Última atualização em 2 de outubro de 2022 às 19h46.

Os candidatos Renato Casagrande (PSB) e Manato (PL) vão disputar o segundo turno das eleições 2022 para o governo do Espírito Santo, de acordo com dados de apuração do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com 96,88% das urnas apuradas, Casagrande obteve 47,16% dos votos válidos (949.625 votos), e Manato (PL) recebeu 38,51% (775.406 votos). Em terceiro ficou Guerino Zanon, com 6,68% (134.433 votos).

Clique aqui para ver o resultado das eleições 2022 no Brasil e em todos os estados

Renato Casagrande, de 61 anos, é formado em Engenharia Florestal e Direito. Foi senador, deputado federal, vice-governador e deputado estadual. Em 2010 e 2018, foi eleito governador do Espírito Santo.

Carlos Manato, de 65 anos, é médico especialista em Ginecologia e Obstetrícia e professora. Manato é deputado federal desde 2003. Ele foi do PDT até 2013. 

VEJA O RESULTADO COMPLETO DA VOTAÇÃO NO ESPÍRITO SANTO

O Espírito Santo tem mais de 3,8 milhões de habitantes e cerca de 2,9 milhões de eleitores.

  • Aridelmo Teixeira (Novo)
  • Audifax Barcelos (Rede)
  • Capitão Vinícius Sousa (PSTU)
  • Carlos Manato (PL)
  • Claudio Paiva (PRTB)
  • Guerino Zanon (PSD)
  • Renato Casagrande (PSB)

Quando é o segundo turno?

Para o cargo de governador, quando nenhum dos candidatos atinge 50% mais um dos votos válidos, a eleição vai para o segundo turno. Em 2022, a segunda etapa de votação é no dia 30 de outubro. Diferentemente de outros anos, para esta eleição, o fuso horário para a votação é um só em todo o país, o de Brasília, das 8h às 17h.

Não foi votar? Como justificar ausência do voto

Quem não pode justificar a ausência no dia do primeiro turno da eleição, tem o prazo de até 60 dias após cada turno para regularizar a situação eleitoral sem o pagamento da multa. Os canais para realizar o procedimento online são o e-Título e o Sistema Justifica. Nesse caso, além de preencher o requerimento, é necessário anexar documentos que comprovem o motivo alegado, pois a justificativa não é automática e poderá ser ou não concedida pelo juiz eleitoral.

Quem não votou no primeiro turno, pode votar no segundo?

O eleitor que não votou no primeiro turno das eleições de 2022 pode e deve votar no segundo turno. Segundo o TSE, cada turno é tratado como uma eleição independente pela Justiça Eleitoral. Isso significa que uma pessoa que não votou no primeiro turno não é proibida de ir às urnas no segundo, desde que seu título eleitoral esteja regular.

Quem é obrigado a votar e justificar a ausência

O voto é obrigatório para eleitoras e eleitores alfabetizadas, com idades entre 18 e 70 anos. O voto é facultativo para maiores de 16 anos e menores de 18 anos; maiores de 70 anos; e, analfabetos.

LEIA TAMBÉM

yt thumbnail
Acompanhe tudo sobre:EleiçõesEleições 2022Espírito SantoPolítica

Mais de Brasil

PEC que anistia partidos só deve ser votada em agosto no Senado

Servidores do INSS entram em greve por tempo indeterminado

Jogo do Tigrinho deverá ter previsão de ganho ao apostador para ser autorizado; entenda as regras

Após águas baixarem, fóssil achado com 'preservação quase completa', é um dos mais antigos do mundo

Mais na Exame