Embraer deve vender aviões a China durante visita de Dilma

A informação foi dada nesta quinta-feira pela embaixadora no Brasil responsável pela viagem de Dilma, Maria Edileuza Fontenele Reis

Brasília - A Embraer deve assinar contratos de venda de aviões para companhias aéreas regionais da China durante visita da presidente Dilma Rousseff ao país na próxima semana.

A informação foi dada nesta quinta-feira pela embaixadora no Brasil responsável pela viagem de Dilma, Maria Edileuza Fontenele Reis.

Segundo ela, serão aviões modelo Embraer 190 e Legacy.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.