Embraer certifica empresa colombiana para modernizar Tucanos

Corporação da Indústria Aeronáutica Colombiana (CIAC) foi certificada como centro de serviço mundial para modernizar os aviões Tucano T-27

Bogotá - A Embraer certificou a Corporação da Indústria Aeronáutica Colombiana (CIAC) como centro de serviço mundial para modernizar os aviões Tucano T-27, informou nesta quinta-feira o Ministério da Defesa da Colômbia.

O gerente da CIAC, sociedade de economia mista sob o regime de empresa industrial e comercial do Estado, o general Flavio Ulloa, disse que essa certidão é uma conquista para o desenvolvimento da indústria aeroespacial da Colômbia.

"É nosso primeiro degrau para gerar uma indústria aeroespacial séria, para o que vamos caminhar com segurança", assegurou Ulloa em comunicado do Ministério da Defesa.

A Força Aérea Colombiana tem em sua frota mais de uma dezena de aviões Tucano modernizados pela CIAC e 24 unidades da versão moderna, os aviões de ataque ligeiro Super Tucano.

O militar acrescentou que a certidão permitirá gerar emprego, desenvolver a indústria e a engenharia, pois os que se capacitam nesta área terão novos e maiores campos de ação.

O general Ulloa assinalou, além disso, que, como a Embraer é a terceira maior empresa aeronáutica do mundo, com a certidão se abre um mercado para os Tucanos que precisam ser melhorados.

O diretor de vendas internacionais da Embraer, Nilton Medina, assegurou que o processo de certidão de um centro de serviço em nível mundial para aeronaves Tucano "é de muita importância não só para Embraer, mas para a indústria aeronáutica colombiana" porque não é uma tarefa fácil transformar-se em "um centro autorizado de caráter mundial".

Medina comentou ainda que para a Embraer é um "orgulho" poder participar do processo de desenvolvimento da indústria aeronáutica colombiana.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.